Travessia

240
Raymundo Farias de Oliveira *

“O mundo não é mau mas é mal frequentado”.

Luís Fernando Veríssimo está coberto de razão.

Estamos todos escondidos dentro de casa sem desfrutar da liberdade sagrada de caminhar pelas ruas vendo a vida desfilando…

Tudo por causa de um implacável inimigo invisível chamado coronavírus, responsável pela explosão de mortes no mundo inteiro.

É a morte desfilando!…

A ciência enfrenta mais um desafio e há homens desafiando a ciência!

Jacques Maritain ensinou: quanto mais nos aprofundamos na escuridão da noite mais nos aproximamos do clarão da madrugada…

Enquanto o dia não amanhece, caro leitor e leitora, vamos lavando as mãos e suplicando a Deus que não nos abandone nessa travessia tão sombria.

* Nascido em Missão Velha, no cariri cearense, é procurador aposentado do estado de São Paulo. Tem poemas e crônicas publicadas em Portugal e na Argentina. Autor de diversos livros e colunista do jornal O Progresso.