Maestro Edson Beltrami tem demissão antecipada do Conservatório de Tatuí

164
Maestro Edson Beltrami (foto: Arquivo pessoal)
Publicidade
Da redação

O maestro Edson Beltrami teve a demissão antecipada do cargo de titular da Orquestra Sinfônica do Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos”, de Tatuí, na manhã de quarta-feira, 1°, pela atual gestora, a Sustenidos Organização Social de Cultura.

No final de setembro, a OS havia notificado a demissão de Beltrami, indicando que ele permaneceria na instituição até o final do ano letivo de 2021 e que o desligamento ocorreria a partir de 2022.

Beltrami realizaria o último concerto à frente da Orquestra Sinfônica na quinta-feira, 9. Contudo, nesta semana, após o maestro conceder entrevista ao jornal O Progresso e a outras mídias, nas quais expunha insatisfação com as mudanças administrativas e pedagógicas propostas pela atual gestora, a demissão foi antecipada.

No período da manhã, o maestro foi oficialmente demitido e à tarde, o CDMCC, por meio de redes sociais, anunciou a chegada do maestro Emmanuele Baldini como novo regente titular da Orquestra Sinfônica.

O violinista é spalla da Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo) e, segundo divulgado pelo CDMCC, além de conduzir a Orquestra Sinfônica, Baldini ministrará master classes mensais aos alunos bolsistas do grupo.

Publicidade
Publicidade