Atletas do CC sonham em conhecer Messi

987
Atletas comemoram título e a oportunidade de participarem de competição na Europa (foto: divulgação)

Os jogadores da equipe sub-11 do Clube de Campo sonham em conhecer o jogador Lionel Messi, camisa dez do Barcelona e da seleção argentina, no próximo ano.

A oportunidade para realizar o sonho já tem data marcada: entre os dias 8 e 13 de julho de 2020, durante a “IberCup Barcelona”, que será realizada na capital catalã, na Espanha.

Para isso, os atletas tatuianos nascidos em 2008 conquistaram o título da série “bronze” da “IberCup São Paulo”, disputada entre quinta-feira e domingo, dias 25 e 28 de julho, no Cepeusp (Centro de Práticas Esportivas da Universidade de São Paulo).

Na primeira fase da categoria sub-11, o Clube de Campo não conseguiu vencer as partidas válidas pelo grupo A. Na estreia, a equipe local foi goleada por 5 a 1 pelo Athletico Paranaense – posteriormente, o rival foi campeão da série “ouro”. Depois, perdeu por 1 a 0 da CT Neurosport e empatou com o Prime Futebol por 2 a 2.

Com a quarta posição na fase de grupos, o Clube foi às quartas de final para confrontar o Adefa B. Após empate por 2 a 2 no tempo regulamentar, a agremiação tatuiana venceu nas penalidades máximas por 4 a 3.

Nas semifinais, o Clube goleou o PSG Academy SP por 4 a 1. Já na decisão, o time local venceu o Peruíbe Futebol Clube, pelo placar de 3 a 1, e faturou o título da bronze.

A equipe campeã do Clube de Campo esteve representada pelos jogadores: Breno Moreira, Cauan Ribeiro, Eduardo Revnei, Hugo Viana, Igor Pires, João Carlos Ventura, João Vitor Camargo, João Vitor Silva, Lucas Bolzan, Matheus Pereira e Pietro da Silva.

Responsáveis por dez dos 12 gols tatuianos na competição, Pereira e Pires, com cinco gols cada, foram considerados os destaques da equipe. O treinador Carlos Eduardo de Alvarenga Viana, o Duza, foi eleito o terceiro melhor técnico da categoria.

O treinador afirmou que o título era muito gratificante por se tratar de uma competição de alto nível e por ser campeão na primeira vez que o Clube de Campo esteve participando.

Duza expôs que os jogadores não acreditavam quando foram comunicados que o título daria uma vaga para jogarem a etapa em Barcelona. “Eles estão muito felizes, falando até em conhecer o Messi”, revelou, aos risos, o treinador.

Contudo, Duza reconhece que será difícil que os pequenos campeões tenham contato com o argentino, eleito melhor jogador do mundo em cinco oportunidades, ou com os demais atletas do Barcelona.

Após alcançarem a classificação para participarem da competição na Espanha, será preciso custear a passagem aérea de cada jogador tatuiano para que eles, realmente, possam embarcar para o sonho na Europa.

Comandado por Duza, o Clube ainda participou da IberCup São Paulo na sub-9 e na sub-10. Com os atletas da categoria mais nova, o time local alcançou a sexta posição e, na disputa sub-10, o Clube foi quarto colocado.

“Na categoria sub-10, ficamos com a quarta posição na série bronze, competindo na categoria com o total de 40 equipes”, informou Duza.

Davi Emanuel Marçal, Davi Miranda, Gabriel Augusto Moura, João Pedro Rocha, João Vitor Bachega, Kauã Coelho, Matheus Ribeiro, Marcelo Henrique Peres, Nicollas Medrado, Pedro Henrique Carriel e Vitor Hugo Barreto jogaram a sub-10.

Já a sub-9 contou com a participação dos atletas mirins: Enzo Gabriel Sabaliankas, Gabriel Ceciliato, Gustavo de Alvarenga Viana, Isac Samuel Marçal, João Pedro Paes, Juan Calixto, Leonardo Delaroli, Luiz Henrique Bueno, Mateus Alves, Samuel dos Reis e Vinícius Costa.

De acordo com os organizadores, “a IberCup é um dos maiores torneios de futebol juvenil no mundo. Participam da competição as melhores equipes da Europa, Ásia e América”.