Zagueiro tatuiano estreia com gol pela sub-15 do Flamengo

Eduardo Gonçalves está no Rio de Janeiro há cerca de 2 meses

494
Tatuiano foi titular na primeira rodada da Copa Rio Sub-15
Da redação

O jovem zagueiro Eduardo de Oliveira Gonçalves realizou no sábado, 22, a primeira partida oficial pela categoria sub-15 do Clube de Regatas do Flamengo. No jogo de estreia, disputado na Gávea, no Rio de Janeiro, o tatuiano de 14 anos marcou um dos gols na goleada aplicada sobre o Volta Redonda.

O Flamengo venceu o confronto pelo placar de 5 a 0, em partida válida pela primeira rodada da Copa Rio Sub-15. O gol de Gonçalves, de cabeça, foi anotado aos 18 minutos do segundo tempo. Lorran, duas vezes, Felipe e Bill, completaram o placar.

Além da estreia do zagueiro, a partida encerrou um período de 17 meses sem a equipe sub-15 do Rubro-Negro carioca atuar em torneios oficiais.

O último disputado pela sub-15 do Flamengo foi a Aldeia Cup, em dezembro de 2019, meses antes da paralisação total das atividades das categorias de base no “Ninho do Urubu”, o centro de treinamento do clube carioca, devido à pandemia.

Com passagens pelo projeto esportivo social tatuiano Bom de Bola, Dez na Escola e pela Ponte Preta, de Campinas, Gonçalves iniciou a trajetória em busca de uma vaga na categoria de base do Flamengo em 18 de fevereiro do ano passado.

Na ocasião, ele participou de avaliação do Trieste Futebol Clube, agremiação de base de Curitiba (PR), que possui parceria com o Flamengo na captação de jovens talentos, promovida em Tatuí, para meninos e meninas da região, sendo um dos dez atletas selecionados para a etapa seguinte.

Em março de 2020, pouco antes do início das restrições impostas no país por conta da pandemia, Gonçalves, o lateral-direito Bigu e o lateral-esquerdo Baldini foram os três primeiros jogadores do município a irem ao Trieste. O zagueiro foi o único tatuiano selecionado naquela etapa de avaliação.

Posteriormente, outros jovens tatuianos também viajaram para Curitiba e alguns deles ainda seguem sendo monitorados pelo Trieste. Contudo, Gonçalves foi o único atleta da cidade que permaneceu alojado no clube paranaense, desde agosto do ano passado.

Durante esse período, Gonçalves teve contato com diversos atletas tatuianos mais novos que ele, os quais atuam entre a sub-8 e a sub-12, também avaliados pelo núcleo de captação do Rubro-Negro.

Em 1º de março desde ano, Gonçalves foi convidado a ser avaliado no centro de treinamento do Flamengo. A viagem para o Rio de Janeiro aconteceu no dia 6, e, no dia seguinte, ele esteve no Ninho do Urubu para o teste de detecção da Covid-19.

Com o resultado do exame negativo, o período de avaliação de Gonçalves estendeu-se por dez dias. O resultado da avaliação foi divulgado em 20 de março, quando o tatuiano recebeu a notícia de que havia sido escolhido para tornar-se jogador da base do Flamengo.

Após a estreia balançando as redes adversárias, Gonçalves pode fazer a segunda partida defendendo a sub-15 do Flamengo neste domingo, 30. A partida é contra a Portuguesa, às 9h, no Estádio Luso-Brasileiro, pela segunda rodada da Copa Rio Sub-15.