Roberto Menlli retorna e vence a segunda etapa de torneio local

1312

A Liga de Dardos de Tatuí registrou um novo campeão na lista de seus atletas. Roberto Menlli venceu a segunda etapa do Campeonato de Dardos de Tatuí, realizado pelo TatuiDarts Club, no dia 24 de março, no Grando Sports.

Conforme um dos fundadores do clube, o dardista Nathan Perks, a vitória de Menlli marcou o retorno dele à competição. O atleta ficou dois anos afastado. Também voltaram à disputa os atletas Marcos Bueno e Marcos Franco. A etapa que dá sequência ao evento contou ainda com participação de Cesar Lopes. Em sua estreia no torneio tatuiano, o dardista registrou “algumas vitórias”.

O evento deste ano é dividido em disputas individuais e em duplas. Na primeira, Bueno enfrentou Franco, na rodada de abertura. “Ambos sofreram um pouco, mas Franco conseguiu a vitória após uma boa luta”, disse Perks.

Já Menlli mostrou habilidade, mesmo após o período sabático. Ele realizou jogadas que o colocaram na final. Menlli ganhou de Állan Carbognin por 3 a 1, levando o título da segunda etapa. O atleta não perdeu nenhuma das partidas.

O terceiro lugar ficou com Perks, dardista que foi “parado” por Carbognin. Na disputa entre os jogadores, o neozelandês perdeu para o vice-campeão por 2 a 0.

Após a segunda etapa, a liga atualizou o “ranking” que tem a ponta ocupada por Carlos Luppi, com 15 pontos. Em seguida, estão: Ronaldo Martins, com 15; Perks, com 13 pontos; Claudio Cruz, com 11; e Menlii, com 10.

Carbognin ocupa o sexto lugar, com oito pontos; Roberto Peires soma seis e David Wolves tem cinco. Têm mesma pontuação – um total de quatro pontos –, os dardistas: Danilo Serafim Alves, Fábio Villa Nova, Cesar Lopes, João Camargo e Kenydy Cruz; Bueno e Franco possuem dois pontos, cada.

Na disputa pelas duplas, Menlli também chegou à finalíssima. Entretanto, obteve o título de vice, juntamente com Franco. A dupla disputou o primeiro lugar contra Martins e Luppi, que estavam melhores e venceram por 2 a 1.

A decisão da terceira posição entre as duplas terminou em empate. Ficaram com a vaga as duplas Roberto Peires e Állan Carbognin e Kenydy Cruz e Claudio Cruz.

O Campeonato de Dardos teve primeira etapa realizada no dia 24 de fevereiro, em Tatuí. A competição é realizada em duas ligas, a tatuiana e a de Olaria.

Neste ano, a organização alterou o formato dos jogos. Conforme Perks, o objetivo é deixar as disputas “mais divertidas” para todos os competidores. Em especial, para os novatos e os veteranos que estavam afastados das disputas.

De acordo com as regras, os jogos individuais são realizados “no melhor de cinco”, com duas chances. Isso significa que quem perder duas vezes está desclassificado. Já na disputa entre as duplas, o sistema usado é o “mata-mata”.

A competição segue no próximo dia 28, com a terceira etapa. As demais serão realizadas nos dias 19 de maio, 26 de junho, 18 de agosto e 29 de setembro.

Durante as fases, a organização ainda programa o “Tatuí Open”. Assim como as etapas classificatórias do campeonato, o aberto terá disputas pelas ligas de Olaria e Tatuí. Na primeira, os dardistas competem em 9 de julho e, na segunda, no dia 21 do mesmo mês. Os eventos têm entrada franca ao público.

A final tatuiana está programada para o dia 20 de outubro. Já a da Liga de Olaria deve acontecer no dia 6 do mesmo mês. Os atletas melhores classificados pelas duas ligas deverão disputar a final da LSPD (Liga São Paulo de Dardos) em novembro. A decisiva ainda não tem data para acontecer.