NOTAS POLICIAIS

313
Publicidade





Vendedora é assaltada e perde carro e R$ 40 mil em produtos

Uma vendedora de roupas de 28 anos foi assaltada enquanto atendia um cliente habitual na rua 10 de Maio, na vila Santa Luzia, no final da tarde de quarta-feira, 7, por volta das 18h.

Segundo declarações da vítima, registradas em boletim de ocorrência, ela foi abordada por um homem alto, magro e pardo, que vestia uma “touca ninja” e portava uma arma de fogo, no momento em que estava abrindo a porta lateral do Fiat Doblô vermelho que ela usava para vender roupas.

O bandido teria encostado a arma na vendedora e ordenado que ela entregasse o celular e a chave do veículo. Ele entrou no carro e fugiu, levando aproximadamente R$ 40 mil em mercadoria, conforme consta no boletim de ocorrência.

Publicidade

Funcionário público municipal é detido por conduzir bêbado

Um funcionário público municipal de 44 anos foi preso por dirigir sob efeito de bebida alcoólica. O flagrante aconteceu na tarde de quinta-feira, 8, por volta das 14h, na rua São Bento, no centro.

O acusado estaria conduzindo um Tempra vermelho quando foi surpreendido por policiais militares. De acordo com informações do BO, o funcionário público estava com a capacidade motora alterada quando foi abordado, e a embriaguez foi comprovada com exame clínico.

A fiança ficou estipulada em R$ 750, mas o valor não havia sido pago até o momento da elaboração do boletim de ocorrência. Por isso, o funcionário público foi encaminhado para uma das cadeias públicas da região.


Motorista vai sacar o salário e nota que foi vítima de fraude

Um motorista de 31 anos foi sacar o salário na quarta-feira, 7, por volta das 15h30, em uma das agências bancárias localizadas na rua 15 de Novembro, no centro, quando percebeu que a conta-corrente estava negativa.

Segundo declarações da própria vítima, registradas no boletim de ocorrência, no extrato bancário, constava que duas transferências, nos valores de R$ 1.100 e R$ 399,66, haviam sido feitas sem o consentimento dele.


Loja de informática é invadida e bandido, preso por guardas

Na madrugada de quinta-feira, 8, por volta das 2h, uma loja de equipamentos eletrônicos da rua 11 de Agosto foi invadida. O ajudante Marcelo Medeiros, 30, foi preso como suspeito de tentar levar mais de cinco produtos, em valores superiores a R$ 3.850.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, um funcionário de uma empresa de segurança acionou a Guarda Civil Municipal após o alarme da loja de informática ter sido disparado.

O funcionário da empresa de segurança teria ido até o estabelecimento que estava sendo invadido, encontrado Medeiros no telhado da loja e tentado correr atrás dele.

Conforme consta no BO, o suspeito foi encontrado na Praça da Matriz, sem camisa e sem os produtos, e foi reconhecido pelo funcionário da empresa de segurança.

O dono da loja teria informado à Policia que esteve no estabelecimento e encontrou no telhado um som automotivo, um teclado de tablet e um celular, mas que ainda não havia localizado um videogame que teria sumido após a invasão.


Publicidade