Notas policiais

580
Publicidade
  • Troca de cartão gera prejuízo de R$ 14.650 a comerciante

Um comerciante de 82 anos caiu um golpe na manhã de sexta-feira da semana passada, 3. Um indivíduo trocou o cartão bancário do idoso e gastou R$ 14.650. A vítima procurou a Delegacia para registrar boletim de ocorrência na segunda-feira, 6.

De acordo com o documento, às 9h36, o comerciante estava em um caixa eletrônico de um supermercado para retirar o saldo bancário e realizar uma compra. O cartão da vítima ficou preso no terminal e um homem, “pardo e de 1,70 metro de altura”, apareceu para ajudá-lo.

Conforme o boletim, um papel caiu no chão e o homem falou que pertencia ao idoso. A vítima se abaixou para pegar o papel, no entanto, notou que não era dele. O indivíduo afirmou que o cartão estava no caixa e deixou o local. Porém, ao pegar o objeto, a vítima percebeu ser um cartão bancário de outra pessoa.

Chegando em casa, o comerciante teria recebido a ligação de um suposto banco, perguntando se havia efetuado um saque de R$ 1.000, o que negou. Na sequência, a atendente teria avisado que bloquearia o cartão e que a vítima deveria ir à agência bancária na segunda-feira.

O idoso foi ao banco e, em contanto com o gerente, teria retirado um extrato bancário, podendo visualizar todas as transações que o golpista fizera com o cartão dele, totalizando o prejuízo de 14.650.

Publicidade

  • Residência no Europark sofre segunda invasão em 6 meses

Uma mulher de 39 anos, moradora do Residencial Europark, teve a residência invadida pela segunda vez em seis meses. Do local, os criminosos furtaram um notebook e um netbook. O crime aconteceu na manhã de segunda-feira, 6.

Conforme relatado, a mulher estava ausente da casa para resolver assuntos particulares. Por volta das 10h50, o celular da vítima teria sido ativado por um aplicativo das câmeras de segurança do imóvel. No entanto, os ladrões teriam cortado a energia antes que a moradora pudesse vê-los.

No local, a vítima constatou que a fechadura do portão social estava quebrada. Além dos produtos furtados, os criminosos não conseguiram levar um ventilador, deixando-o em frente ao imóvel.


  • Rapaz não volta de ‘saidinha’, rouba bolsa e termina preso

A Polícia Militar deteve, na noite de segunda-feira, 6, um homem de 23 anos, acusado de roubar uma bolsa na região central. O rapaz havia sido beneficiado pela “saidinha” de final de ano e não retornou ao sistema prisional.

De acordo com a PM, uma guarnição fazia patrulhamento pela avenida Coronel Firmo Vieira de Camargo quando avistou um indivíduo correndo e segurando algo na mão. Os policiais perseguiram-no e abordaram-no na rua São Bento.

O rapaz estaria segurando uma bolsa feminina, contendo uma carteira de identidade, um cartão de BPC (benefício de prestação continuada) e R$ 259. Questionado, o indivíduo teria justificado que a bolsa pertencia a uma tia dele.

Posteriormente, segundo a PM, os agentes encontraram uma mulher de 48 anos, próxima ao Terminal Rodoviário “Pedro de Campos Camargo”, informando-os de que um moço havia roubado a bolsa dela. A vítima reconheceu o suspeito dentro do compartimento da viatura.

O homem, João Felipe da Silva Júnior, 23, confessou ter se beneficiado com a “saidinha” de final de ano e que deveria ter retornado ao sistema prisional na quinta-feira, 2. Conduzido à Central de Flagrantes, ele recebeu voz de prisão.


  • Igreja Católica no Rosa Garcia II sofre furto pela madrugada

A Paróquia São Lázaro, localizada rua José Antônio de Souza, 154, no Jardim Rosa Garcia II, foi furtada na madrugada de terça-feira, 7. Os criminosos levaram materiais de obras da igreja. O crime foi comunicado no plantão policial na tarde do dia seguinte.

Conforme relatado por uma representante da igreja, uma mulher de 69 anos, indivíduos teriam entrado no local por uma abertura, durante a madrugada.

De lá, teriam furtado uma lata com 3,6 litros de tinta branca, uma lata com 5 litros de solvente, uma caneca para pintura de compressor e uma máscara para solda.


  • Carteira é furtada de bolsa de aposentada na região central

Uma aposentada de 67 anos foi furtada, na manhã de segunda-feira, 6, na região central. A carteira dela, com documentos pessoais, cartões e dinheiro, foi apanhada do interior da bolsa da vítima.

Segundo o boletim de ocorrência, em uma loja,

a aposentada precisava pegar os documentos pessoais dentro da bolsa dela e teria percebido que a carteira havia sido furtada. No interior da carteira, estariam documentos pessoais, quatro cartões e R$ 20.

A mulher disse à PC que acredita ter sido furtada durante o trajeto e que a bolsa dela estava aberta.

Publicidade