Cláudia Rebouças, Patrimônio do Carnaval

619
A estilista Cláudia Rebouças abrilhantou a programação do Carnaval e desfilou em blocos (foto: Cristiano Mota)
Publicidade

Presente na vida cotidiana de Tatuí desde 1960, a estilista Cláudia Rebouças acompanhou toda a programação carnavalesca da Capital da Música. Em especial, desfilou como membro da família do carnavalesco Paulo Vagalume.

“Saio no Carnaval desde que eu me conheço por gente. O Carnaval é minha vida. Aprendi a desfilar com a minha mãe e continuo a festejar. O Carnaval, para mim, é o alívio que posso ter após ter passado por um ano inteiro”, descreveu.

Como tem feito desde que chegou a Tatuí, Cláudia participou das atividades como destaque. Além do bloco, ela compareceu às comemorações da Banda do Bonde e dos outros grupos. “Onde eu posso, eu vou”, contou.

Para a estilista, o Carnaval é um período do ano no qual as pessoas podem exteriorizar a alegria por meio das fantasias. Em função disso e por força da profissão, Cláudia enfatizou que “nunca repete o conceito”.

“Nós já temos de repetir muitas coisas no decorrer do ano, mas não no Carnaval. Esse é o momento de as pessoas exporem tudo o que tem pela criatividade”, acentuou.

Publicidade

O desfile com o Bloco do Vagalume, na tarde do dia 10, representou privilégio para a estilista. Cláudia contou que tem uma relação muito forte com “os Vagalume”. “Foi por causa deles que eu vim parar em Tatuí”, relatou.

Na cidade, Cláudia foi recebida pelo fundador do bloco e tratada como filha. “Desde então, faço parte da família. Conheço todos da primeira e da nova geração. Por isso que desfilar com eles, para mim, é uma honra”, concluiu.

Publicidade