Vereadores apresentam 8 moções, 94 requerimentos e 33 indicações

692
Parlamentares discutem os requerimentos apresentados na sessão (foto: Gabriel Guerra)
Publicidade

A Câmara Municipal, na sessão ordinária de terça-feira, 17, não contou com nenhum projeto para apreciação dos vereadores durante a ordem do dia. No entanto, houve 33 indicações apresentadas pelos parlamentares.

Entre estas, há pedido para o reparo de toda a extensão da estrada rural do bairro dos Fragas, apresentado por Alexandre Grandino Teles (PSDB); a manutenção dos exaustores industriais existentes no Ginásio Municipal, solicitada por Rodolfo Hessel Fanganiello (PSB); e para se tomar medidas preventivas quanto a assaltos em creches municipais, apresentado por Eduardo Dade Sallum (PT).

Os parlamentares aprovaram 94 requerimentos e 8 moções, debatidos pelos vereadores. Primeiro a utilizar a tribuna, Severino Guilherme da Silva (PSD) agradeceu o auxílio dado por Teles no mutirão realizado no barracão da Agremiação Santa Rita. O vereador também destacou o reinício das obras de construção do ginásio de esportes, que estava parado desde a gestão passada.

“Graças a Deus, a obra foi iniciada, já está bem adiantada, e eu estive conversando com o vice-prefeito, Luiz Paulo (Ribeiro da Silva), cobrando que o ginásio fosse terminado, pois é muito importante para o Santa Rita”, declarou Silva.

O vereador também falou que a realização é mérito da prefeita Maria José Vieira de Camargo e de toda a equipe dela. “O ginásio vai atender o pessoal que pratica esporte no bairro”.

Publicidade

Ronaldo José da Mota (PPS) falou sobre propositura, de autoria dele, que fora retirada da pauta. O documento pede informações sobre uma ambulância, doada pela Ford, e que estaria sendo usada para outros fins. O vereador sustentou que o veículo está servindo à Secretaria de Obras, “transportando cimento e pedras”.

“O vereador Marquinho (Antonio Marcos de Abreu – PR) passou para mim que a atual gestão já recebeu dessa forma e foi feita a cessão de uso para a Secretaria de Obras. Por esse motivo, retirei esse requerimento, e nós, vereadores, poderíamos pedir juntos para averiguar quem é o responsável”, disso Mota.

O vereador concedeu tempo para que Abreu esclarecesse, o qual informou que a ambulância estava parada e fora reformada. No entanto, por ser antiga, os pacientes reclamavam de falta de circulação de ar, levando-a a ser destinada à Secretaria de Obras e Infraestrutura.

“O que aconteceu foi que, na gestão anterior, arrebentaram a ambulância. Os equipamentos dessa ambulância UTI foram retirados, e a mesma situação aconteceu com outra, que consegui fruto de emenda parlamentar do deputado Salim Curiati”, concluiu Abreu.

Mota disse não entender como o ex-prefeito conseguiu estragar o veículo doado e com as manutenções gratuitas garantidas pela Ford. “Nós estamos vendo dinheiro sendo jogado fora, e quem fez isso tem que pagar. Dinheiro público que poderia ser usado em outras coisas”, acrescentou.

Abreu voltou à tribuna para falar sobre os requerimentos endereçados ao DRS (Departamento Regional de Saúde) de Sorocaba e que solicitam informações sobre a autorização para realização de implantes dentários e o motivo da falta de vacinas contra pólio inativada, meningo C, rotavírus, pneumo 10, SCR e varicela.

O vereador disse não saber o que está acontecendo com o departamento, que não responde os requerimentos formulados por ele.

“Fiz até um requerimento para o governador do estado. Quero que ele responda os motivos da DRS não estar respondendo os requerimentos desta Casa de Leis. A DRS só pode estar de brincadeira”, afirmou Abreu.

Alexandre de Jesus Bossolan (PSDB) iniciou fala agradecendo ao vereador João Éder Alves Miguel (PV) pela inclusão do requerimento que pede melhorias na praça Santa Cruz. “Não é de hoje que o bairro aguarda, almeja, quer e sonha com a revitalização na praça”, declarou.

Bossolan também destacou a aprovação da moção de aplausos e congratulações ao padre Roberto Moreira pelos 11 anos de trabalho e evangelização em Tatuí.

“Ele está se despedindo da cidade, e convidamos toda a população para estar no próximo domingo, 22, às 20 horas, para a missa de despedida do padre”, acentuou o vereador.

Outra moção apresentada pelo parlamentar é de aplausos e congratulações à equipe das Clínicas Integradas Stimulos Tatuí, pela realização da 2a Corrida e 3a Caminhada, promovidas em 2 de abril, Dia Mundial da Conscientização do Autismo.

Quem também utilizou a tribuna foi Miguel Lopes Cardoso Junior (PMDB), que comentou sobre o requerimento que busca, junto à Prefeita, informações sobre o cronograma de obras do programa “100% Esporte”, para a construção do campo de futebol society na vila Angélica. Ele quer saber se existe a possibilidade de acrescentar, no mesmo espaço, uma academia ao ar livre e um playground.

“Foi uma gestão compartilhada entre mim, o vereador Proença e a prefeita Maria José, onde nós fizemos um ofício ao secretário de esportes do Estado, solicitando aquele espaço. Gostaríamos de saber, através do requerimento, como anda o cronograma das obras, já que temos alguns prazos a serem cumpridos”, disse Cardoso Junior.

Fanganiello comentou sobre a visita que realizara aos moradores do Jardim Europa, ressaltando que eles se encontram em área de risco. O parlamentar apresentou requerimento pedindo que o Executivo informe quais locais e quantas pessoas estão habitando áreas de risco, para fim de aplicação da lei municipal 3.776, de 27 de dezembro de 2005.

“Acho que todo mundo junto, os vereadores, o poder público e a prefeita vão se solidarizar e vão ajudar o pessoal do bairro a resolver essa situação”, assegurou.

O parlamentar também falou sobre o deputado Samuel Moreira (PSDB). “Teve 17 mil votos na cidade, e o que ele fez por Tatuí?”, questionou. Segundo vereador, o deputado só “manda migalhas”.

Proença destacou o requerimento em que pede para a Prefeita que informe quais as medidas tomadas quanto a indicação 020/18, sobre disponibilizar uma equipe para efetuar a manutenção da malha asfáltica em todas as ruas do Jardim XI de Agosto.

“Ali, existe uma grande necessidade, que seja mandada uma equipe de emergência para fazer a manutenção. Inclusive, na rua Lázaro Pelagalli, que liga os Jardins XI de Agosto e Wanderley, há um grande buraco, uma erosão, que está comendo mais da metade da calçada”, disse Proença.

O vereador também pediu atenção especial na recuperação asfáltica dos bairros Jardim São João e Fundação Manoel Guedes. Proença concluiu agradecendo a prefeita, secretário de obras e toda equipe pelo trabalho de recapeamento da avenida Cientista José de Barros Magaldi.

“Na gestão anterior, muitas vezes, subi à tribuna para solicitar a benfeitoria e, infelizmente, não foi feito. E agora, com essa nova gestão, está sendo realizado, atendendo ao pedido de toda a comunidade local”, concluiu Proença.

Sallum foi o último a usar a tribuna e destacou o requerimento que solicita informações sobre quais as políticas públicas, da atual gestão, no combate ao estupro de vulneráveis. “Descobri que Tatuí teve cerca de 28 casos, e, conversando com conselheiros tutelares, é um assunto muito delicado”, afirmou o parlamentar.

Publicidade