Uniodonto implanta novo sistema digital com biometria facial

420
Rogério Anastácio (NST) e Cláudio Zambello (Uniodonto Piracicaba) (foto: divulgação)

Os usuários da Uniodonto Piracicaba já contam com um sistema digital de reconhecimento facial, o qual facilitará o atendimento no consultório dos dentistas cooperados.

Isso evitará o uso de carteirinhas em formato físico, as quais se tornarão digitais, visualizáveis no smartphone através de aplicativo, disponível gratuitamente nas lojas de distribuição.

Conforme a assessoria de comunicação da Uniodonto, estas e outras modernidades tecnológicas fazem parte do novo sistema digital de gestão denominado OdotoSfera, que entrou em operação no dia 17 de junho.

Segundo Rogério Anastásio, da empresa NST e-Business, os avanços integram uma necessidade sentida no mercado com o objetivo de facilitar a rotina do paciente da Uniodonto.

Com o reconhecimento facial alcançado através de uma webcam, acoplado a um moderno sistema gerencial, o paciente tem todo seu histórico registrado na Uniodonto, evitando apresentar os tradicionais documentos em papel.

A NST e-Business é uma empresa que atende exclusivamente operadoras da saúde suplementar, em especial o setor de odontologia. O reconhecimento facial é utilizado em diversos setores da sociedade como o acesso restrito a empresas e condomínios, identificação de pessoas em locais de circulação pública por secretarias de segurança, ou como no popular Facebook, que identifica e sugere nomes para fisionomias cadastradas na plataforma.

Segundo o doutor Cláudio Zambello, presidente da Uniodonto, o novo sistema de gestão digital integra a Uniodonto diante da Agência Nacional de Saúde (ANS) através da troca de informações rápidas e instantâneas.

Para as empresas que contratam os planos odontológicos, isso será sentido com o envio em tempo real de documentações cadastrais daqueles que utilizam os serviços. Para os usuários, isso pula etapas que anteriormente exigiam a presença física para iniciar determinados tratamentos.

Segundo a Uniodonto, para os dentistas cooperados, a coleta de dados através da biometria facial diminui etapas para início e conclusão do atendimento, facilita a troca de informação entre dentistas/operadora/Agência de Saúde, entre outros pontos.