‘Tatuí Merece Muito Mais’ oficializa Cel. Wagner em disputa ao Executivo

1501
Pré-candidatos ao lado do deputado Guiga Peixoto (ao centro) (foto: Eduardo Domingues)
Publicidade
Da reportagem

PSB (Partido Socialista Brasileiro), Democratas, PRTB (Partido Renovador Trabalhista Brasileiro) e Progressistas realizaram convenção suprapartidária, na manhã de sábado, 5, no plenário da Câmara Municipal.

O evento reuniu os filiados dos partidos para a formação de coligação da chapa majoritária denominada “Tatuí Merece Muito Mais”, que tem como pré-candidato a prefeito Wagner Rodrigues (Coronel Wagner, Progressistas) e Nilto José Alves (Bispo Nilto, PRTB) como vice-prefeito.

Além dos pré-candidatos ao Executivo, a convenção contou com a presença dos deputados federais Guiga Peixoto (PSL) e Jefferson de Campos (PSD), e estaduais Rodrigo Gambale (PSL) e Carlos Cezar (PSB), além de presidentes e pré-candidatos a vereadores dos partidos coligados.

A coligação apresenta, ao todo, 76 pré-candidatos ao Poder Legislativo, sendo 26 pelo Progressistas, 26 pelo PSB e 24 pelo PRTB. Eduardo Jordão, presidente do Democratas, informou que, por questões partidárias, o partido optou por não apresentar candidatos ao cargo de vereador e somente apoiar a coligação.

Durante a convenção, Coronel Wagner relembrou que, em 2015, integrava um grupo de amigos que “conversava sobre política”. Segundo ele, na ocasião, perceberam que “precisavam arregaçar as mangas e sair da zona de conforto para ocupar lugares nos Poderes Executivo e Legislativo, para que as palavras não fossem jogadas ao vento”.

Publicidade

No ano seguinte, o grupo disputou as eleições municipais com seis candidatos a vereador. “O nosso projeto tinha a intenção de ter entre 2.000 a 3.000 votos, afinal, disputamos a eleição de 2016 com apenas seis candidatos a vereadores, jamais esperávamos receber quase 12 mil votos”, completou Guiga.

Conforme o pré-candidato, “inspirados em valores éticos, como lealdade e transparência, para resgatar o município, conseguiram eleger Guiga”.

“Foi uma jornada vitoriosa, na qual o tatuiano tem orgulho de, pela primeira vez, eleger um deputado federal para representar Tatuí no Congresso Nacional”, ressaltou.

“De seis candidatos, hoje, temos cerca de 80, que se irmanaram a nós e estão com coragem de sair à luta”, acrescentou o pré-candidato.

Coronel Wagner garantiu que, se eleito, terá um “grande compromisso com a geração de empregos, com a educação, segurança pública – área pela qual ele atuou por 32 anos – e ajuste das contas públicas, além de assegurar valorizar os servidores públicos municipais”.

“Os funcionários públicos têm de ser prestigiados, bem remunerados, capacitados e respeitados, para que possam entregar boa qualidade de serviço”, sustentou o pré-candidato.

Bispo Nilto afirmou ter se sentido honrado quando Guiga e Coronel Wagner o convidaram para ser pré-candidato a vice-prefeito. “Por poder defender a bandeira do bem e da moral, a bandeira que triunfa em Brasília, através do nosso presidente Jair Bolsonaro”, declarou.

De acordo com ele, “a coligação partidária possui um propósito, e foi traçada na honestidade, na família e no bom costume”.

“Nós nos pautamos, naquilo que a sociedade mais carece: pessoas que realmente olhem para a sociedade, não pensando em si, mas em um todo”, indicou.

“Tatuí merece muito mais do que estamos vivenciando. Somos pessoas do bem e que queremos uma família ordeira, uma sociedade abençoada. Desejamos uma família onde o bem vence o mal, e devemos lutar para que isso aconteça”, complementou Nilto.

O deputado federal tatuiano afirmou que a coligação Tatuí Merece Muito Mais não estava “vendendo sonhos, pois Tatuí necessita de realizações”. Segundo Guiga, no plano de governo do grupo, em 2016, “não havia uma vírgula que não pudesse ser cumprida”.

Guiga ressaltou as emendas parlamentares que destinou ao município, “mesmo sem conhecer o timbre de voz e sem jamais ter chegado a um metro de distância da prefeita Maria José Vieira de Camargo”.

Ele sustentou ter indicado “os maiores recursos da história de Tatuí através do governo federal”. O deputado citou a verba de R$ 5 milhões entregue à área de saúde, a destinação de dez respiradores e cinco novos leitos de UTI (unidade de terapia intensiva), R$ 450 mil à Guarda Civil Municipal e R$ 1,25 milhão a entidades sociais do município.

“Já fui presidente do Lar São Vicente de Paulo, e nunca o asilo recebeu verbas dessa magnitude”, acentuou Guiga.

“Podem ter certeza de que Tatuí voltará a ser a grande referência da nossa região com o nosso pré-candidato a prefeito Coronel Wagner e com vereadores da estirpe de vocês, com caráter, índole e transparência”, declarou.

“Conheço o Coronel Wagner há muitos anos, e sei que as ferramentas de trabalho dele são o caráter e a índole. Eu vejo nele o homem competente e preparado para assumir esse cargo”, completou Guiga.

Após a confirmação das pré-candidaturas, os políticos aguardarão os partidos legitimarem o registro perante o TRE (Tribunal Regional Eleitoral). O período de convenções partidárias começou no dia 31 de agosto e encerra-se no dia 16 de setembro.

Também neste período, podem ser formadas coligações – apenas para o cargo majoritário (prefeito), já que estão proibidas as junções proporcionais.  O pleito ocorrerá no dia 15 de novembro.

Para a eleição a vereador, a Justiça Eleitoral proibiu as coligações. Em Tatuí, cada partido pode ter até 26 nomes. Destes, oito têm de ser do sexo feminino. Da mesma forma, 30% do dinheiro do partido também têm de ser destinados às candidatas.

As datas foram definidas pela emenda constitucional 107/2020, que alterou o calendário eleitoral. A novidade deste ano é que as convenções podem ser feitas por meio virtual, como medida de prevenção ao novo coronavírus.

A resolução 23.609/2019, no artigo sexto, estabelece que a ata da convenção e a lista dos presentes serão digitadas no Módulo Externo do Sistema de Candidaturas (CANDex), e até o dia seguinte ao da realização da convenção o arquivo gerado pelo sistema deverá ser transmitido, via internet, à Justiça Eleitoral.

Publicidade