Tatuí está entre as cem cidades de SP que valorizam eventos culturais

Projeto local é classificado para o festival do programa “Tradição SP”

Festival da Semana da Música acontece em novembro (foto: Cassiano Sinisgalli)
Da reportagem

Tatuí está entre as cem cidades do estado de São Paulo integrantes do programa Tradição SP e aptas a realizar ações culturais relacionadas a festas, celebrações, festivais, feiras e demais eventos de valorização da cultura local.

O projeto inscrito pela Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo e Lazer, da prefeitura de Tatuí, e classificado foi o Festival da Semana da Música, previsto para acontecer de 22 a 26 de novembro, na Praça da Matriz. O evento celebrará o Dia da Música, comemorado no dia 22 desse mês, dentro da programação da Semana da Música de Tatuí.

Segundo o diretor municipal de cultura, Rogério Vianna, como Tatuí é conhecida pelo título de Capital da Música, por consequência, tem tradições que envolvem os segmentos cultural e musical.

“Quando nos reunimos para escrever o projeto, focamos no que trazer e que agradasse o público em geral. Por isso, tomamos por iniciativa trabalhar em algo envolvendo a área, tão enraizada e valorizada por aqui”, apontou Vianna.

A princípio, no festival, serão apresentadas cinco possibilidades de agrupamentos musicais de Tatuí, que tocarão repertórios do erudito ao popular. “Esta iniciativa vem para favorecer e incentivar mais a prática dos tradicionais festivais do estado de São Paulo”, frisou o diretor de cultura.

Vianna ressaltou que a contratação dos grupos é feita pela organização social de cultura “Amigos da Arte”. Já a prefeitura deverá providenciar a estrutura e a divulgação

De acordo com os organizadores do Tradição SP, a ação faz parte do grupo “Juntos pela Cultura”, programa de difusão cultural ligado à Secretaria de Cultura e Economia Criativa, do governo de São Paulo, e gerido pela “Amigos da Arte”.

No total, será investido R$ 1,5 milhão, sendo R$ 15 mil para cada cidade. A expectativa é de um impacto econômico de R$ 71 milhões e a geração de empregos diretos e indiretos. No ano passado, o investimento foi de R$ 17,2 milhões.

Segundo informações divulgadas pela secretaria, “a cultura é um dos principais ativos de estado”. Gera 3,9% do PIB estadual e um milhão e meio de empregos diretos.

O “Juntos pela Cultura”, parceria entre as secretarias de Cultura e Economia Criativa, Desenvolvimento Regional e prefeituras, retoma este ano os eventos presenciais, mas ainda manterá inscrições para as iniciativas no formato virtual.

Serão viabilizadas cerca de 1.500 ações culturais de mais de 250 municípios e 238 artistas, grupos e organizações culturais. O programa terá cotas exclusivas para propostas e projetos das regiões do Vale do Futuro (Vale do Ribeira), Viva o Vale (Vale do Paraíba), Sudoeste +10 e Pontal 2030.

Juntos pela Cultura

O programa visa fomentar a produção, ampliar o acesso à arte e à cultura e, de forma simplificada, articular o estado, prefeituras e segmentos artísticos para a realização de ações culturais, eventos e atividades da economia criativa.

Por meio de chamadas públicas, o programa viabiliza parcerias para a execução dos principais programas de difusão cultural paulistas, com gestão da Amigos da Arte.

Desde 2019, o programa já contou com o lançamento de 25 chamadas públicas para municípios, artistas e organizações, com mais de 4.000 propostas inscritas.

As seleções foram realizadas por júris especializados e comissões com maioria da sociedade civil, resultando em 1.977 projetos selecionados. Desses, 1.256 oriundos de prefeituras e 721 projetos de artistas, produtores culturais e organizações.

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome