Surpresas marcam premiação dos concursos ‘Paulo Setúbal’

455





Cristiano Mota

Alunos de escolas municipais e particulares receberam os primeiros prêmios entregues pela Prefeitura

 

Ary Roberto de Souza Pinto e Patrícia Silveira de Almeida não se conhecem, mas têm hábitos em comum: gostam de ler e escrever.

Na manhã do dia 10, véspera de aniversário dos 187 anos de Tatuí, os dois dividiram mais uma coincidência: venceram, em categorias diferentes, os concursos que levam o nome do escritor tatuiano Paulo de Oliveira Leite Setúbal.

 

Receberam, na ocasião, os prêmios pelas conquistas. Ary Roberto participou do Prêmio Contos, Crônicas e Poesias pela segunda vez. Em sua 11a edição, o certame reuniu trabalhos de todo o Brasil. “Foi uma grande surpresa”, disse.

 

O tatuiano recebeu o prêmio do prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, e do diretor do Departamento Municipal de Cultura e Desenvolvimento Turístico, Jorge Rizek.

 

Ele escreveu o conto “Black-out”, no qual faz uma reflexão sobre a vida. “Trata-se de uma pessoa que, no final da existência, repensa tudo o que aconteceu e faz a passagem para um lugar”, falou.

 

Ary Roberto teve o trabalho selecionado por um corpo de jurados formado por Sueli Pereira Aduan, Marinês Bastos Rodrigues e Rodrigo Ricardo Rodrigues.

 

“É sempre um prazer escrever, mas uma incógnita quando participamos de concursos. Eu, na realidade, não escrevo para concorrer. Tenho um ‘blog’, onde posto meus contos. Mas, foi uma grata surpresa”, comentou.

 

A solenidade de premiação teve a presença da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Ana Paula Cury Fiuza Coelho, do vice-prefeito e secretário municipal de Governo e Segurança Pública, Vicente Aparecido Menezes, de vereadores e funcionários municipais.

 

Também acompanharam o evento professores e coordenadores de escolas municipais de ensino fundamental que tiveram alunos concorrentes no 12o Concurso de Literatura e Artes Visuais.

 

Patrícia estuda na Emef “Maria Helena Machado”, no bairro Enxovia. Aos 13 anos, ela conquistou o primeiro prêmio em concursos.

 

“Decidi participar porque eu gosto de escrever e gosto do tema que está relacionado a Paulo Setúbal”, comentou a menina, depois de receber o certificado e o prêmio do prefeito.

 

Como Ary Roberto, a estudante disse que ficou surpresa com o resultado. “O primeiro lugar significa, para mim, uma honra muito grande”, afirmou ela, que esteve acompanhada do professor e orientador Marcos Paulo Cavalheiro Del Homo.

 

Também receberam prêmios de primeiro lugar: José Carlos Barbosa de Aragão, com a crônica “A Esfinge e a Arapuca”, e Rosana Pereira, com a poesia “De Onde Vens?”.

 

Os demais premiados no 11o concurso foram, em crônicas: Lyrss Cabral Buoso (segundo lugar), com “A Visita”, e Geraldo Trombin (terceiro), com “Tantas Antas e Uma Companhia Sacana”.

 

Em contos: André Luis Soares (segundo), com o trabalho “Reviravoltas”; e Ricardo Lahud (em terceiro), com “Ninguém Morre no Facebook”.

 

Em poesia: Carlota Joaquina Franco (em segundo), com “A Praça”; e Odimar Justino Martins Proença (terceiro), com “Entre Danças e Cores”.

 

Em literatura, voltada aos alunos do ensino fundamental de escolas públicas e particulares, classificaram-se: Letícia Sallum Pinho (em segundo), com o trabalho “O Caçador de Esmeraldas”, e Thiago Mizumoto (terceiro), com a redação “O Chefe da Conspiração”. Ambos são alunos do Colégio Bem-Me-Quer/Positivo.

 

No ensino médio, o primeiro lugar ficou com Lucas Augusto Alves de Oliveira, com o trabalho “O Caçador de Esmeraldas”; o segundo, com Letícia Camargo Coelho, que escreveu “Adentrando no Brasil Colônia”; e o terceiro, com Natália Berger Oliveira, com “Tempo pra Voltar…”. Todos do Colégio Bem-Me-Quer/Positivo.

 

Em artes visuais, a Prefeitura premiou Lívia Fernandes Silveira, da Emef “Maria da Conceição Oliveira Marcondes”, em primeiro; Maria Eduarda Rodrigues Soares, da Emef “Accácio Vieira de Camargo”, obteve o segundo lugar; e Gabriel David Pais, também da “Accácio”, recebeu certificado de terceiro colocado.

 

Também houve certificação de menções honrosas a Priscila Silveira de Almeida, estudante da Emef “Maria Helena Machado”; Bruno Alves de Souza Medeiros, aluno da Emef “João Florêncio”; Donizete Pedro de Oliveira Filho, da Emef “Maria Helena Machado”; Milena Vieira da Costa, da Emef “Eunice Pereira de Camargo”; e Gabriel Duarte de Barros, da Emef “Firmo Antonio de Camargo Del Fiol”.

 

O cerimonial prestou homenagens, ainda, à professora Cimira Cameron e a Raquel Fayad. As duas são colaboradoras dos certames como orientadoras dos professores.