Polícia e Guarda fazem prisões por tráfico na mesma rua da vila Brasil

2744
Material apreendido pela Polícia Militar com ajuda de um cão (foto: Polícia Militar)

Polícia Militar e Guarda Civil Municipal realizaram prisões em flagrante por tráfico de drogas na rua Emílio Hadad, na vila Brasil, durante o fim de semana passado. As ações resultaram em quatro pessoas presas e em um adolescente apreendido. Nos dois dias, foram recolhidos dinheiro e 84 porções de drogas.

O primeiro flagrante aconteceu no sábado, 16, às 19h. A PM flagrou e autuou quatro pessoas perto de um bar, localizadas graças a denúncias. Três delas foram abordadas de imediato e uma tentou fugir.

Os policiais localizaram pinos de cocaína e dinheiro com os três. Logo, a equipe constatou que o grupo já tinha passagens por envolvimento com o tráfico.

O quarto suspeito, em homem de 30 anos, estava com dois pinos de cocaína e disse que fora até o local para comprar a droga com um dos três detidos anteriormente, um adolescente de 17 anos.

Ele, por sua vez, alegou ter entregado o dinheiro da venda à namorada, Amanda Rufino da Silva, 19, também localizada pelos policiais. De acordo com o boletim de ocorrência, ela estava com R$ 350 escondidos nas roupas íntimas.

Com apoio do Canil e da Guarda Civil Municipal, os policiais acharam mais 38 pinos de cocaína perto do meio-fio. O flagrante totalizou 69 pinos de cocaína e R$ 560 em notas diversas.

Além de Amanda, foram indiciados por tráfico de drogas e associação para o tráfico os dois homens que estavam com o adolescente no momento do flagrante: João Vitor Araújo Nicodemos, 18, e Alexsander Souza Proença, de 20. Nicodemos e o adolescente já têm antecedentes por tráfico.

O menor foi apreendido e o homem de 30 anos, liberado depois de ser ouvido pela Polícia Civil. Ele responderá por porte de drogas.

A região em que as prisões aconteceram é bastante conhecida da polícia por causa do tráfico de drogas. Entre os antecedentes criminais de Nicodemos e do adolescente, há um flagrante de venda de drogas naquele mesmo lugar.

No dia seguinte, guardas municipais fizeram um novo flagrante de tráfico, praticamente no mesmo lugar. Um homem foi preso durante patrulhamento de rotina.

De acordo com informações enviadas à imprensa, a equipe viu dois homens no momento em que um deles entregava algo nas mãos do outro. Ao perceberem a presença da viatura, os dois teriam jogado o objeto no chão, chamando a atenção dos guardas.

Willian Costa dos Santos, 18, foi detido e, conforme os guardas, resistiu à revista pessoal, sendo necessário “uso de força” para algemá-lo. Na revista, a equipe informa ter encontrado dois pinos de cocaína e R$ 110. O outro suspeito estava com um pino, supostamente adquirido de Santos.

Em vistoria pelo local, os guardas localizaram mais 12 porções de crack em um buraco. Santos foi preso e encaminhado à Delegacia Central.