‘Paulo Setúbal’ sedia mostra fotográfica e conversa com diretor

265





O Museu Histórico “Paulo Setúbal” sedia neste mês duas atividades culturais. A primeira delas é uma mostra fotográfica com trabalhos de Dani Costa; a segunda, uma conversa com Liz Marins, cineasta, atriz, escritora e apresentadora.

Denominada “A Vida Num Piscar de Olhos”, a mostra acontece entre os dias 5 e 12. Ela é composta por imagens clicadas pela estudante de fotografia.

No trabalho, Dani registra “em preto e branco a emoção, o olhar terno, a solidão, a alegria e a saudade”. Os modelos são internos do Lar São Vicente de Paulo.

A exposição é elaborada a partir de fotografias feitas para TCC (trabalho de conclusão de curso) da universitária. Ela apresenta “personagens vivos e intensos em sentimentos, com marcas expostas pelo tempo”. “É a vida revelada em tons de realidade. É o hoje”, consta em material de divulgação da atividade.

O objetivo da mostra é “buscar a atenção, o cuidado e trazer à tona o amor”. As imagens visam, também, “valorizar a velhice que pode ser tão bela como a infância, ou a mocidade”.

As fotografias estarão expostas na Sala “Jovens Talentos”, no subsolo do museu. Elas poderão ser vistas das 8h30 às 18h30 (terça a sexta) e das 9h às 17h (sábado e domingo). O museu fica na praça Manoel Guedes, 98, no centro.

No mesmo endereço, às 20h desta quinta-feira, 7, acontecerá exibição do curta-metragem “Aparências”. A sessão aberta ao público será realizada no auditório do “Paulo Setúbal”. Na sequência, haverá bate-papo com a diretora.

Liz Marins é intérprete da personagem Liz Vamp, uma vampira brasileira materializada em contos, histórias em quadrinhos, clipes e curtas-metragens.

A diretora apresentou vários programas de TV e dirigiu diversos curtas-metragens, com os quais ‘rodou’ festivais nacionais e internacionais. Entre eles, o “Aparências”.

Ela ministrou “workshops” de cinema e vídeo, incluindo o de realização do “Festival Internacional de Cinema de Terror”, realizado em Lisboa, Portugal.