Novo centro de especialidades está em etapa de acabamento

270
Publicidade





O novo prédio do Cemem (Centro Municipal de Especialidades Médicas) está em fase de acabamento, conforme divulgou o ex-secretário da Saúde, José Luiz Barusso. No evento que marcou a saída da pasta, ele antecipou que a empreiteira responsável pela obra havia terminado a fase de construção.

A edificação está a cargo da Camargo Engenharia Construção, que também ganhou licitação do “complexo da Polícia Civil”, terminado no mês passado. Segundo Barusso, os funcionários da empreiteira estão lixando as paredes internas para proceder as pinturas e colocando os pisos de todos os ambientes.

Barusso divulgou, ainda, que a Prefeitura está se preparando para entregar a obra à população. Para isso, abriu licitações para aquisição de materiais e equipamentos. A medida deve garantir que o Cemem seja entregue dentro do prazo previsto.

No mês passado, o jornal O Progresso antecipou que o Cemem seria inaugurado em fevereiro do ano que vem. A previsão havia sido anunciada pela coordenadora da divisão de planejamento e gestão de saúde da Secretaria Municipal da Saúde, Ana Paula D’Almenery, em audiência pública.

Publicidade

Na segunda, 11, Barusso ratificou o prazo estimado pelo Executivo. Segundo ele, a Prefeitura deverá realizar a transferência do centro assim que os equipamentos e os mobiliários forem instalados. Disse, também, que a secretaria ainda não tem uma ideia do que poderá fazer com o imóvel antigo.

O Cemem funciona, atualmente, na praça Adelaide Guedes, sem número, ao lado do Centro de Saúde “Aniz Boneder”, popularmente conhecido como “postão”.

“É um prédio muito antigo e que foi dado pelo Estado em cessão de uso na época em que houve a municipalização da Saúde. Acredito que para utilizá-lo, seria interessante pensar numa restauração. Daria para por alguma unidade de saúde lá, ou alguma unidade administrativa da secretaria”, sugeriu.

De acordo com Barusso, o espaço precisa de uma revitalização antes de ser utilizado. Isso porque possui escadas que dificultam a acessibilidade e tem banheiros pequenos. “Não sei se ali comporta uma reforma muito grande”, acrescentou.

O espaço, porém, deverá ser utilizado pela Saúde porque forma uma espécie de “conglomerado”. Além do postão, a área em que o prédio do Cemem está situada abriga o CEO (Centro de Especialidades Odontológicas) e o laboratório municipal. O primeiro e o último deverão ser reformados.

Barusso antecipou que o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, conseguiu verbas para realizar as obras. Para cada, os recursos serão de R$ 400 mil.

A intenção é melhorar o atendimento à população, junto à UBS, e ampliar o serviço oferecido pelo laboratório do município, reduzindo o gasto com “outros prestadores”.

Com o novo laboratório, a Prefeitura espera prestar serviços para outros municípios. “Pelas reuniões que tivemos, pudemos perceber que as cidades estão interessadas em trazer serviços para cá, em comprar nossos serviços”, disse Barusso.


Publicidade