Notas policiais

639
  • GCM prende moça de 24 anos com cocaína no Jardim Europa

Uma auxiliar de produção de 24 anos foi presa, na noite de sexta-feira, 29 de maio, acusada de tráfico de entorpecentes no Jardim Europa. Com ela, a Guarda Civil Municipal apreendeu supositórios de cocaína e um valor em dinheiro.

De acordo com a GCM, por volta das 19h20, uma viatura realizava patrulhamento pelo bairro quando, ao entrar na rua Dirceu Domenico Ostan, observou que uma mulher demonstrou “nítido nervosismo”.

Segundo a GCM, a moça estava em um “local conhecido por ser utilizado para comércio de drogas” e acabou sendo abordada. Com ela, os agentes localizaram sete supositórios de cocaína e R$ 184,75.

Ainda segundo a GCM, próximo a ela, os guardas civis ainda encontraram mais cinco supositórios com a mesma droga. Questionada, a mulher confessou que os entorpecentes pertenciam a ela.

Segundo o boletim de ocorrência, a acusada, Ingrid Araújo dos Anjos, foi conduzida ao plantão policial. Lá, recebeu voz de prisão em flagrante, sem possibilidade de fiança. As drogas foram apreendidas e encaminhadas a perícia.


  • Sujeito utiliza tesoura escolar para furtar carro no centro

A Polícia Militar deteve um mecânico de automóveis de 29 anos, na madrugada de sábado, 30 de maio, suspeito de furtar um veículo na região central. O indivíduo teria utilizado uma tesoura escolar como chave “mixa” para furtar o carro.

Conforme a PM, por volta das 5h20, uma equipe fazia patrulhamento preventivo e, ao passar pela rua Emílio Haddad, na vila São Paulo, percebeu que um sujeito tentava ligar um veículo verde, da marca Fiat, modelo Uno Mille. Devido ao horário e às constantes tentativas de ligar o carro, os policiais decidiram abordá-lo.

Segundo o boletim de ocorrência, ao ser indagado, o indivíduo alegou que estava tentando fazer o veículo funcionar e que o teria pegado escondido da mãe. No entanto, os policiais notaram que a fiação da ignição estava danificada e que havia uma tesoura escolar quebrada no interior do automóvel.

Conforme o boletim, os agentes realizaram pesquisa sobre o carro, através das placas, e apuraram que o proprietário morava a cerca de um quilômetro daquele local. Eles se deslocaram até o imóvel, na rua Coronel Bento Pires, sendo informados de que o dono deixara o veículo estacionado e trancado na frente da residência.

Ainda segundo o BO, o suspeito foi encaminhado pelos policiais à Delegacia Central e, durante interrogatório, confessou o crime. Reincidente na prática de roubo e furto, o indivíduo será apresentado em audiência de custódia.


  • Mediador em negociação fica com valor pago por comprador

Um empresário de 33 anos, morador de Indaiatuba, foi vítima de estelionato ao tentar comprar um caminhão. Um suposto golpista intermediou a negociação e teria levado R$ 13 mil que seriam pagos ao dono do veículo, um comerciante de 40 anos. O caso foi comunicado no plantão policial na manhã de segunda-feira, 1º.

Segundo o boletim de ocorrência, o empresário transferiu o valor, para adquirir o caminhão, em uma conta do Banco Itaú, em Ribeirão Preto, em benefício de “Wilson Candido da Silva”, conforme pedido de “Fábio”, intermediador da negociação pelo WhatsApp.

O empresário teria vindo a Tatuí e encontrado o proprietário do caminhão. Eles teriam ido ao cartório para realizar a transferência e concluir a negociação. No entanto, a esposa do comerciante estaria em uma agência bancária e teria constatado que o valor pedido pelo veículo não havia sido transferido para a conta do casal.

Eles afirmaram que “Fábio” ficara responsável por repassar o valor pago pelo comprador ao proprietário do caminhão. No entanto, ele não teria conta em banco.

Na sequência, o empresário e o comerciante acionaram a Guarda Civil Municipal e foram orientados a comparecer no plantão policial para registrar o boletim de ocorrência.


  • PM apreende adolescente com drogas após denúncia anônima

Um adolescente de 15 anos foi apreendido, na noite de segunda-feira, 1º, acusado de tráfico de entorpecentes na vila Brasil. Durante a ação, a Polícia Militar recolheu porções de cocaína e dinheiro.

Segundo a PM, uma equipe que fazia patrulhamento pelo bairro quando recebeu denúncia anônima de que um indivíduo, vestindo “blusa cinza e calça preta”, estaria vendendo drogas na rua José Marquês Júnior.

No local, os agentes encontraram o sujeito com as características informadas e o abordaram. Durante revista pessoal, os policiais teriam encontrado R$ 140 com o adolescente.

Questionado, o indivíduo teria alegado que estaria no local para comprar uma bucha de maconha, porém, na sequência, confessou que estava comercializando drogas e informou onde as guardava. Posteriormente, os agentes teriam localizado 20 porções de cocaína em um terreno baldio.

O adolescente foi encaminhado ao Pronto-Socorro Municipal “Erasmo Peixoto” e, depois, à Central de Flagrantes. Lá, recebeu voz de apreensão e permaneceu à disposição da Justiça.