NOTAS POLICIAIS

326





Mulher ‘resiste’ a furto e dois fogem após ação ter frustrado

Uma mulher sofreu tentativa de furto na quarta-feira, 15. A vítima parou uma viatura da Polícia Militar que passava pelo local para relatar o caso. O crime teria ocorrido às 19h10 em um posto de combustíveis, localizado na rua 11 de Agosto, altura do número 3011, na vila Paulínia.

A vítima, de 40 anos, estava próxima ao caixa do estabelecimento quando foi abordada por dois homens. De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher se recusou a entregar o dinheiro aos bandidos e tentou se afastar deles. Os suspeitos insistiram, mas logo fugiram pela rua 11 de Agosto, em direção ao centro da cidade.

Em seguida, a vítima procurou a viatura da PM e informou o ocorrido. Os policiais realizaram buscas na tentativa de localizar os acusados pelas imediações, mas não encontraram nenhum suspeito.


Sítio e fazenda são atingidos por incêndio nos dias 13 e 14

Pelo menos dois incêndios ocorreram nesta semana conforme boletins de ocorrência registrados na Central de Flagrantes da Polícia Civil. O primeiro teria acontecido na última segunda-feira, 13, às 19h, em um sítio no bairro do Benfica.

O proprietário do local foi avisado por um vizinho da propriedade sobre o incêndio. O dono relatou que esteve no sítio, tendo constatado as chamas e tentado apagar o fogo. Ele informou à polícia que cerca de 20 minutos depois os bombeiros chegaram.

Outro caso ocorreu às 23h de terça-feira, 14, em uma fazenda situada às margens da estrada municipal do Caguaçu. No local, existe uma plantação de cana-de-açúcar. Segundo informou em depoimento o representante da empresa proprietária das terras, cortadores de cana que trabalhavam no local teriam percebido o fogo se alastrando e avisaram os proprietários.

Por sua vez, eles teriam acionado uma equipe própria para controlar o fogo. Contudo, o incêndio só foi completamente controlado às 15h do dia seguinte.


Estação da Sabesp sofre furto de cobre de um transformador

Um representante da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) procurou a Polícia Civil nesta semana para informar sobre um furto ocorrido em uma ETE (Estação de Tratamento de Esgoto). A unidade violada por criminosos está localizada na estrada do Barreiro, sem número.

Conforme o representante, o caso teria acontecido entre a segunda-feira, 13, e a terça-feira, 14. O funcionário relatou que constatou o crime por volta das 10h de terça. Ele disse que o transformador do poste em frente ao local havia sido removido. O objeto teria sido arremessado ao chão e tido todo o cobre que reveste a parte interna removida.

O homem também afirmou aos policiais que o local ficou sem vigilância desde as 17h do dia anterior e que, portanto, não havia testemunhas do fato.


Ex-sogro procura PC e acusa mulher de furto a propriedade

Problemas familiares levaram um homem de 67 anos a procurar a Polícia Civil. A vítima acusa a ex-cunhada de ter levado móveis e objetos da propriedade dela, no Jardim Lucila. O dono quer reaver os objetos supostamente levados pela mulher.

Conforme BO, a vítima cedeu a residência para o filho morar com a esposa há um ano e meio. No entanto, o casal se separou há três meses. Segundo relatou o proprietário em depoimento, o problema é que a ex-parceira do filho não quis deixar o imóvel. De acordo com ele, foi necessária uma ordem de despejo para que a acusada deixasse a casa.

Ao sair da propriedade, ela teria subtraído alguns móveis. Entre os itens que a vítima busca reaver, estão: uma geladeira, um fogão, um botijão de gás, panelas, talheres, uma cama, colchão, panelas, espremedor de frutas e até uma mangueira.


Adolescente é pega com droga dias após deixar a ‘Fundação’

Uma adolescente de 17 anos foi apreendida com drogas na segunda-feira, 13. O flagrante ocorreu por volta das 15h10, na praça Eduardo Bastos, na vila Brasil.

Segundo boletim de ocorrência, a menor foi abordada por dois guardas civis municipais. Eles receberam denúncia anônima de que uma mulher estaria traficando drogas no local.

Ao chegarem à praça, os GCMs teriam visto a acusada sob uma moto, sem capacete. Em abordagem, eles teriam constatado que o lacre da placa da moto estava rompido e que o número do chassi estava “completamente suprimido”.

Na sequência, acionaram uma guarda civil feminina para proceder com revista pessoal. A GCMF teria encontrado com a menor 0,2 grama de maconha. Segundo consta no BO, a adolescente já tinha passagem pela Fundação Casa por ato infracional de tráfico de drogas. Ela teria deixado o local havia 20 dias.