TSE encerra prazo de registro com 282 candidatos tatuianos

Número é 5,7% menor em comparação às eleições de 2016

359
Publicidade
Da reportagem

Os partidos políticos locais apresentaram 282 candidatos aos cargos de vereador, vice-prefeito e prefeito para as eleições municipais de 2020. O número soma concorrentes que apresentaram pedido de registro junto ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) até sábado, 26 – fim do prazo, conforme o calendário eleitoral.

Neste ano, o número de candidaturas é 5,68% menor que o das eleições de 2016, quando 299 postulantes, entre deferidos e indeferidos, tentaram concorrer às vagas na Câmara e na Prefeitura.

Os dados, consultados na tarde de segunda-feira, 28, apontavam que todos os candidatos aguardavam julgamento dos requerimentos. A lista completa com as informações sobre os concorrentes (nome, número na urna, faixa etária, grau de escolaridade e filiação) está disponível no endereço http://www.tse.jus.br/eleicoes/estatisticas/estatisticas-eleitorais .

Do total de candidatos, 192 são homens (68,1%) e 90, mulheres (31,9%). Caso todos os pedidos sejam aprovados pela Justiça Eleitoral e ninguém desista da candidatura, Tatuí terá 16 candidatos para cada uma das vagas do legislativo, considerando-se o total de 272 postulantes às 17 cadeiras a serem preenchidas.

Para a prefeitura, o TSE mostrava dez candidatos com pedido de registro, sendo cinco a prefeito e cinco a vice. Entregaram registro de candidaturas: Alessandro Lirola (PDT), Fátima Aparecida Rodrigues dos Santos de Campos (PT), Maria José Vieira de Camargo (PSDB), Valdeci Proença (Podemos) e Wagner Rodrigues, coronel Wagner (PP).

Publicidade

Contudo, na manhã de terça-feira, 29, o candidato Lirola confirmou ter pedido renúncia à disputa pelo cargo (reportagem nesta edição).

Respectivamente, eles têm como vice-prefeitos: Gildo Pereira de Andrade, Pastor Gildo (PDT); Odailson Toth, Professor Toth (PT); Miguel Lopes Cardoso Júnior, Professor Miguel (MDB); Lúcia Maciel Aguiar, Doutora Lúcia (Podemos); e Nilton José Alves, Bispo Nilto (PRTB).

A maioria dos candidatos tem entre 40 e 44 anos (47). Os demais têm entre 50 e 54 anos (42), 45 e 49 (41), 55 e 59 (39), 35 e 39 (36), 30 e 34 (26), 60 e 64 (16), 25 e 29 (12), 65 e 69 (11), 70 e 74 (sete), 21ª 24 (três), 75 e 79 (um) e 19 anos (um).

Entre os que tentam a Câmara e a prefeitura, 42 possuem ensino superior completo (34,43%), 30 têm ensino médio completo (24,59%), 21 não concluíram o fundamental (17,21%), 16 têm o ensino fundamental completo (13,11%), 6 não concluíram o ensino superior, 4 leem e escrevem (3,28%) e 3 não concluíram o ensino médio (2,46%).

Quanto às ocupações, os candidatos se dividem entre: 38 servidores públicos municipais (13,48%), 19 aposentados (exceto servidor público, 6,74%), 17 empresários (6,03%), 11 professores de ensino fundamental (3,9%), 10 comerciantes (3,55%), 7 cabeleireiros e barbeiros (2,49%) e 87 de outras profissões (30,85%).

O Podemos é o que possui mais pedidos de registro. São 28 pessoas pleiteando vagas. Em seguida, aparecem o PSB (Socialismo e Liberdade), com 26 candidatos, e o PRTB (Partido Renovador Trabalhista Brasileiro) com 25.

Pelo PTB (Partido Trabalhista Brasileiro), 24 requisitaram registro. O PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), o Progressista e o MDB (Movimento Democrático Brasileiro) contam com 23 postulantes cada.

O PDT (Partido Democrático Trabalhista) deve concorrer ao pleito com 22 pessoas. Já o PT (Partido Trabalhista) e o PSD (Partido Social Democrático) pretendem disputar as eleições com 21 candidatos, em cada.

Em seguida, aparecem os partidos: Republicanos, com 20 postulantes, e PSL (Partido Social Liberal) e Cidadania, com 13 registros cada.

Os pedidos de candidatura podem ser acessados por meio do sistema DivulgaCand (Divulgação de Candidaturas e Contas), no site do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP).

Propaganda

A propaganda eleitoral está autorizada pela Justiça desde domingo, 27. Os candidatos podem distribuir material gráfico de campanha, organizar caminhada, carreata e passeata até às 22h do dia que antecede às eleições.

Também é permitida a circulação de carros de som como meios de propaganda, mas somente em carreatas, caminhadas e passeatas ou durante reuniões e comícios, das 8h às 22h, até a véspera.

Alto-falantes ou amplificadores de som podem ser utilizados somente das 8h às 22h, ressalvada a realização de comício de encerramento de campanha. Também estão liberadas a propaganda paga em jornais e a reprodução, na internet, do jornal impresso.

São permitidas, ainda, propagandas por meio de adesivos em automóveis, caminhões, bicicletas, motocicletas e janelas residenciais, desde que não excedam o limite legal (meio metro quadrado).

Também é possível a fixação de bandeiras ao longo de vias públicas, desde que móveis e que não dificultem o “bom andamento” de pessoas e veículos

A propaganda eleitoral na internet é permitida, desde que observados os limites previstos em lei. As páginas de partidos e candidatos devem ser hospedadas em provedores brasileiros e os endereços eletrônicos, comunicados à Justiça Eleitoral.

O impulsionamento de conteúdos nas redes sociais é autorizado apenas a partidos, coligações e candidatos. É permitido o envio de propaganda por e-mail e WhatsApp, mas os endereços devem ser cadastrados gratuitamente com a anuência do titular, garantindo-se a opção de descadastramento, que deverá ocorrer em até 48h após a solicitação.

A propaganda eleitoral não pode veicular ofensas “à honra e à imagem” de candidatos e agremiações. É proibido o impulsionamento que vise a prejudicar candidaturas. É vedado, ainda, o disparo em massa (por robôs) de mensagens instantâneas e a realização de propaganda via telemarketing.

Propaganda irregular

Eleitores, candidatos e partidos podem denunciar irregularidades na propaganda eleitoral. O eleitor pode procurar o Ministério Público e baixar o aplicativo “Pardal – Denúncias Eleitorais”, no qual preencherá um formulário relatando a irregularidade a ser apurada. Após o envio, o usuário receberá um e-mail de confirmação.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome