NOTAS POLICIAIS

292
Publicidade





Padaria na vila Dr. Laurindo é roubada por dois no feriado

Dois homens – até o momento não identificados – roubaram uma padaria localizada na vila Dr. Laurindo. Os bandidos entraram no estabelecimento às 21h20, mas não anunciaram assalto. Conforme a vítima, um dos criminosos apenas se aproximou do balcão do estabelecimento exibindo uma “arma preta”.

Durante o assalto, a proprietária do estabelecimento chegou a ligar para a Polícia Militar. A vítima, uma mulher de 47 anos de idade, contou que enquanto os bandidos retiravam dinheiro do caixa, conseguiu subir ao andar superior do estabelecimento. De lá, ligou para a PM para comunicar o roubo.

Conforme descrições, um dos bandidos tem estatura mediana, cabelos longos e é magro. Ele usava capacete preto, moletom vermelho com desenho de uma caveira e calça jeans. O outro também vestia moletom (na cor cinza) sem detalhe e bermuda jeans “desbotada” e portava uma “pistola na cor preta”.

Publicidade

Os bandidos chegaram ao local em uma moto, também preta. Eles desceram do veículo e se aproximaram do balcão, onde trabalhava uma funcionária, de 49 anos. Na sequência, se dirigiram ao caixa e pegaram R$ 150 entre cédulas e moedas. Antes de fugir, levaram, ainda, pacotes de cigarro.


Coletor é acusado de furtar veículo com a ajuda da filha

Um coletor de 31 anos recebeu voz de prisão na tarde de domingo, 3, por furto. O flagrante realizado pela Polícia Militar ocorreu na rua Celso Patrício, no Jardim Wanderley. De acordo com boletim, o homem teria retirado um aparelho de som de dentro de um veículo com a ajuda da filha, de 13 anos.

Os policiais relataram que surpreenderam Marcelo Pinto de Oliveira pegando o aparelho. Para isso, ele teria quebrado um dos vidros de um Ford Fiesta, prata, ano 2005 e com placas de São Paulo. O veículo pertence a um técnico em manutenção, de 48 anos.

Na sequência, ele teria repassado o aparelho para a filha “a fim de tornar seguro o proveito do crime”. Segundo os militares, o aparelho é um DVD player da marca Bravox, avaliado em R$ 1.300, e que estava em poder da adolescente.

Depois de apreender o equipamento, os PMs encaminharam o coletor até a Central de Flagrantes. Lá, ele teve voz de prisão ratificada e permaneceu detido. A filha dele apontada como cúmplice acabou sendo liberada na presença de um responsável. Ela responderá por ato infracional de “favorecimento”.


Mulher tem bicicleta furtada enquanto pai estava em culto

Uma mulher de 27 anos teve a bicicleta furtada perto do Largo do Mercado Municipal. A vítima informou que o crime ocorreu entre a noite de sábado, 2, e a madrugada de domingo, 3, durante o tempo em que o pai dela participava de um culto religioso.

Em depoimento à Polícia Civil, a mulher relatou ter emprestado o veículo para o pai. O homem disse ter guardado a bicicleta perto da entrada de uma igreja. Segundo a mulher, o pai informou que prendeu o veículo num poste com um cadeado. O homem alegou que o local é costumeiramente usado para esse fim.

Ao retornar para buscar a bicicleta onde a teria deixado, o pai da vítima constatou o crime. A bicicleta é uma Monark, barra circular, na cor vermelha.


Ajudante dorme ao guidão e cai de motocicleta na SP-127

Um ajudante de 23 anos fraturou a perna e o braço direitos por conta de um acidente ocorrido no quilômetro 119 da rodovia Antônio Romano Schincariol (SP-127). Segundo boletim de ocorrência, a vítima contou a policiais rodoviários que dormiu ao guidão e que caiu do veículo em movimento.

A PMR registrou o acidente à 5h15 de domingo, 3, e disse que não pôde conversar com o motorista no local. O ajudante foi socorrido pela viatura de resgate da concessionária e encaminhado ao Pronto-Socorro Municipal “Erasmo Peixoto”.

Depois de ser atendido, ele conversou com os rodoviários. Na ocasião, a equipe verificou que o ajudante não possui habilitação. O veículo que ele dirigia, uma Honda 125 cilindradas, preta, ano 2008 e com placa de Tatuí, estava regular.


Analista é assaltado no bairro Americana por dois bandidos

Na madrugada de sábado, 2, um analista de sistemas de 22 anos teve o celular roubado por dois homens. A dupla rendeu a vítima no momento em que ela se preparava para fechar a porteira de uma propriedade rural, no distrito de Americana.

A vítima contou que fora abordada pelos assaltantes depois de ter entrado na propriedade da avó da namorada, por volta das 4h. Ao chegar, o analista de sistemas desceu do veículo dele e abriu o portão para guardá-la. Depois de deixá-lo na garagem, ele voltou para fechar o portão, quando houve a rendição.

Conforme o analista, um dos assaltantes estava armado. O outro, permaneceu em uma motocicleta. O bandido que o rendeu revistou os bolsos procurando por dinheiro. Como não encontrou, o criminoso levou o celular, um Samsung, modelo Galaxy Note 2. Na sequência, os suspeitos fugiram.


Publicidade