Covid-19 volta a subir no começo da semana e confirma 121 novos casos

Salto de 4,76% em quatro dias é o dobro do registrado no período anterior

306
Publicidade
Da redação

Duas semanas depois do feriado prolongado pelo Dia da Independência – 7 de Setembro –, o índice de contaminações do novo coronavírus voltou a subir. Entre sexta-feira, 18, e terça-feira, 22, o município registrou 121 novos casos positivos da doença.

No período, houve aumento de 4,76% nos casos positivos. O número indica média de 30,25 moradores infectados a cada 24 horas – o dobro do registrado no início da semana passada, entre sexta-feira, 11, e terça-feira, 15, quando foram confirmados 60 novos casos e média de 15 contaminações por dia.

Nos quatro dias recentes, a Vigilância Epidemiológica registrou 415 notificações, descartou 397 casos suspeitos e registrou dois óbitos pela doença, chegando a 64 vítimas fatais – o que representa taxa de letalidade de 2,48%, índice calculado pelo número de óbitos em comparação à quantidade de confirmações.

Além disso, conforme os dados apresentados pela Vigilância Epidemiológica, nos quatro dias recentes, o município sofreu aumento de 3,22% na curva de óbitos pela doença, com duas novas vítimas fatais.

O caso mais recente de morte decorrente do novo coronavírus foi divulgado na manhã de terça-feira, referente a uma mulher de 78 anos, que estava internada na unidade de terapia intensiva do hospital particular.

Publicidade

O outro óbito havia sido notificado pela VE na manhã de domingo, 20, quando um paciente de 79 anos, que estava internado na UTI da Santa Casa de Misericórdia, faleceu por complicações da doença.

Os homens representavam 48% do total de mortes, com 31 vidas perdidas para a doença, sendo 24 acima dos 60 anos e sete entre 39 e 59 anos. Já as mulheres somavam 52% dos óbitos, com 25 na faixa dos 60 anos e oito entre 39 e 59 anos.

Conforme os relatórios da VE, até sexta-feira, 18 (data de fechamento da edição anterior de O Progresso), a cidade somava 10.965 notificações da doença, sendo 189 casos suspeitos aguardando resultado dos testes, 8.323 descartados e 2.453 positivos.

No sábado, 19, a VE informou ter notificado 42 novos casos positivos (21 homens e 21 mulheres), 152 suspeitos (66 homens e 86 mulheres) e 133 descartados (63 homens e 70 mulheres).

No domingo, 20, além do óbito, foram confirmados outros 25 casos de Covid-19 (13 homens e 12 mulheres), 45 suspeitos (24 homens e 21 mulheres) e 51 descartados (22 homens e 29 mulheres).

Na segunda-feira, 21, o órgão notificou mais quatro positivos (dois homens e duas mulheres), 33 suspeitos (14 homens e 19 mulheres) e 14 descartados (oito homens e seis mulheres).

Já na terça-feira, 22, além do óbito, a VE informou ter registrado 50 novos casos positivos (17 homens e 33 mulheres), 185 suspeitas (94 homens e 91 mulheres) e 200 descartes (87 homens e 113 mulheres).

De acordo com o relatório mais recente da VE, atualizado às 11h30 de terça-feira, a cidade havia atingido 11.380 notificações da doença, das quais 8.720 estavam descartadas (76,62%) e 2.574, confirmadas (22,61%). Outros 86 casos aguardavam resultado dos testes (0,75%).

Dos confirmados, 2.408 pacientes já estavam recuperados (93,5%), 64 morreram e 102 ainda permaneciam em tratamento: 16 em hospitais e 86 em isolamento domiciliar. Dos casos suspeitos, 86 estavam em tratamento: seis em hospitais da cidade e 80 em casa.

Ainda segundo o relatório, a ocupação de leitos clínicos de internados por Covid-19 ou suspeitos na Santa Casa era de 45%, enquanto a ocupação em UTI com tratamento de suspeitos ou confirmados, de 42%.

Estavam internados, na Santa Casa, 16 pacientes, sendo seis na UTI (cinco positivos e um suspeito), com quadros que inspiravam cuidados, e dez no isolamento (sete positivos e três suspeitos), com quadros estáveis.

No hospital particular, estavam internados seis pacientes, sendo três positivos para Covid-19 na UTI, com quadros que inspiravam cuidados, e três no isolamento (um positivo e dois suspeitos), com quadros estáveis.

Publicidade