Conservatório realiza recitais de alunos com músicas instrumentais

157
Alunos do curso de violão abrem semana de recitais (foto: AI Conservatório)
Publicidade

O Conservatório de Tatuí promove vários recitais de alunos, com opções para quem gosta de música instrumental. Todas as apresentações são abertas ao público e têm entrada gratuita.

O primeiro recital acontece nesta quarta-feira, 6, às 15h, no auditório da Unidade 2, com alunos do professor Edson Lopes, de nível avançado do curso de violão clássico da instituição.

O violonista Daniel dos Santos tocará “Suite em Lá Menor”, de Manuel Ponce; já o violonista Pedro Floriano Camargo Santos interpretará “Adagio”, de Ludwig Van Beethoven e “Les Soirées d’Auteuil” (Napoleón Coste).

Por sua vez, o violonista Rafael Vieira Santos apresentará “Arrebol do Nordeste” (Geraldo Ribeiro), “Capricho de Goya no 13” (Mario Castelnuovo Tedesco) e “Leyenda Guarani” (Agustin Barrios).

Na quinta-feira, 7, às 18h, também no auditório da Unidade 2, o recital reunirá alunos dos cursos de acordeão, cravo e flauta doce. O repertório terá canções folclóricas e clássicos brasileiros, como “Asa Branca” (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga), e obas do repertório erudito.

Publicidade

Ao final, haverá também apresentação dos professores Braulio Vidile (acordeão), Maria Eugênia Sacco (cravo) e Selma Marino (flauta doce), com participação especial de Gustavo Carloni (viola da gamba).

Na sexta-feira, 8, às 19h, no Salão “Villa-Lobos”, Gustavo Carloni fará o recital de formatura em viola da gamba – curso da área de performance histórica, que resgata instrumentos e composições dos períodos renascentista e barroco na Europa.

O programa inclui “Allegro (Arpeggio) in D Menor” (Karl Friedrich Abel), “Fantasia 1 para Viola da Gamba” (Georg Phillip Telemann), “Suite 1 – Prélude” (Le Sieur de Machy), “Duet 1 for 2 viols – Fantasia” (atribuída a John Coperario), “Premier Livre – Plainte e Prélude” (Louis de Caix d’Hervelois), “Sonata 3 – Pesament” (Joseph Bodin de Boismortier), “Suite 1 – La Couperin” (Antoine Forqueray), “Livre IV. 55a – Le Biscayenne” e “Livre II. 95 – Tombeau pour Monsieur Lully” (Marin Marais).

O recital ainda terá a participação dos convidados Maria Eugênia Sacco (cravo), Ananda Miranda (arqui-alaúde), Ivan Oliveira (teorba e guitarra barroca) e Carlos Eduardo (viola da gamba).

Gustavo Carloni forma-se no curso de viola da gamba, sob orientação do professor João Guilherme Figueiredo. Desde 2015, voltou os estudos à prática de música historicamente informada, atuando como gambista ou violoncelista.

O aluno ainda participou, como violoncelista, da Orquestra Histórica do Brasil no projeto de 45 anos de João Guilherme Figueiredo e do projeto Clara Nunes. Atuou como gambista na récita “Membra Jesu Nostri”, de Buxtehude, com o maestro Martinho Lutero, Coro Luther King e orquestra La Barca del ‘700.

Também atuou como continuísta com a Trupe Barroca na récita de “As Quatro Estações”, de Vivaldi, que teve participação da violinista Cynthia Freivogel. Por fim, participou de festivais voltados à música histórica, como as oficinas de música de Curitiba e as Semanas de Música Antiga da Emesp, recebendo orientação de mestres como Jennifer Morsches (USA), Jaap ter Linden (Holanda) e Luís Otávio Santos (BRA).

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome