GCM atende duas ocorrências por tráfico de drogas na vila Angélica

Dois homens foram presos e um menor apreendido na mesma rua

274
Drogas apreendidas pela GCM nas ocorrências da vila Angélica (foto: AI Prefeitura)
Da redação

A Guarda Civil Municipal atendeu, na semana anterior, de 17 a 23 de maio, duas ocorrências por tráfico de drogas, ambas em uma mesma rua, “conhecida pelo alto índice de tráfico”, na vila Angélica, informou a assessoria de comunicação da prefeitura.

Na primeira, ocorrida na tarde de quarta-feira, 19, um morador relatou ao patrulhamento da GCM que um jovem estava escondendo drogas em um terreno baldio “e voltava até a calçada para servir os usuários”.

Conforme nota enviada à imprensa, o suspeito foi flagrado e abordado pela equipe quando estava recebendo dinheiro de um homem.

Segundo a GCM, os guardas municipais revistaram o suspeito, menor de idade, e encontraram duas porções de cocaína tipo Aricanduva e uma porção de maconha.

Com o homem que estava entregando o dinheiro ao menor, foram encontrados R$ 20 e um celular. Ele ainda teria confessado ser usuário de maconha e estar comprando uma porção da droga.

Ainda conforme a GCM, no terreno baldio onde o suspeito foi abordado, foram encontradas mais duas porções de cocaína tipo Aricanduva e 23 porções de maconhas “idênticas às que estavam com o menor”.

Na outra ocorrência, que aconteceu às 23h26 de sexta-feira, 21, após denúncia de vendas de entorpecentes, a equipe da GCM encontrou dois homens com as características informadas. Ao avistarem a chegada da viatura, eles saíram em fuga.

Quando foram capturados pelos guardas, tinham posse de entorpecentes e dinheiro. “Um dos suspeitos tentou subornar a GCM, ofertando R$ 5 mil. Os dois assumiram que já estavam comercializando drogas no local havia cerca de um mês”, informou a assessoria.

Em ambos os casos, os suspeitos foram encaminhados à UPA (unidade de pronto atendimento) para minuta médica e, em seguida, à Delegacia Central. O menor envolvido no primeiro caso foi apreendido e o comprador, liberado.

Com relação ao segundo caso, ambos foram indiciados por tráfico de entorpecentes, associação ao tráfico e corrupção ativa. A assessoria de comunicação da prefeitura não informou os nomes dos acusados.

Demais ocorrências

Além das ocorrências de tráfico de drogas, de 17 a 23 de maio, a GCM divulgou ter abordado 73 pessoas e oito veículos. Também foram registrados 14 atendimentos, por: averiguação (três), alarme disparado (um), ambiental (dois), acidente de trânsito (dois), perturbação de sossego público (um), auto localizado (um), captura de procurado (dois) e apoio a outras instituições (dois).

Em relação às ocorrências de crimes, a GCM realizou dez prisões (todos homens, nove maiores de idade e um menor) e oito flagrantes, resultando na apreensão de 0,069 grama de maconha; 0,004 grama de cocaína, 0,002 grama de crack, nos casos de tráfico de drogas, além de três ocorrências por violência doméstica, duas por furto e uma por embriaguez ao volante.