Fusstat confecciona bonecos de meias para doar a crianças

610
Mais de vinte voluntárias trabalham na confecção das peças que serão doadas (foto: AI Prefeitura / Fusstast)
Publicidade

O Fusstat (Fundo Social de Solidariedade de Tatuí) realizou, de 18 a 22 de junho, a primeira “Semana Solidária”, ação de voluntariado para o projeto “Boneco de Meia”. A iniciativa visa beneficiar crianças carentes com a entrega dos brinquedos no Dia das Crianças.

No primeiro dia da campanha, mais de 20 voluntárias se reuniram no centro de capacitação da vila Angélica. As atividades também se estenderam nos bairros CDHU “Orlando Lisboa de Almeida”, vila Esperança, Jardim Gonzaga e Santa Cruz.

Na segunda-feira, 25, as voluntárias devem se reunir no centro de capacitação do Jardim Santa Rita de Cássia, das 13h30 às 16h30, para o último dia da Semana Solidária.

A ação começou no ano passado, atendendo mais de 500 crianças carentes com bonecos feitos artesanalmente, a partir de meias doadas à instituição.

Durante todo o ano, o Fusstat recebe peças de roupas que são entregues às famílias carentes ou atendidas pela Assistência Social, a pedido do Cras (Centro de Referência de Assistência Social).

Publicidade

De acordo com a presidente do Fusstat, Sônia Maria Ribeiro da Silva, grande parte das roupas e calçados é revertida para a população. No entanto, alguns itens não são destinados, seja por conta de não estarem em bom estado de conservação, seja por não atenderem aos requisitos das famílias ou do serviço social.

Entre os materiais que não podem ser usados, em algumas situações, estão as meias, já que uma parte delas chega ao Fundo com pequenos furos, ou não acompanham o par. Para não as descartar totalmente – uma vez ser possível fazer o reaproveitamento -, a presidente pediu às conselheiras que pensassem em um projeto que permitisse destino mais adequado.

A equipe, então, teve a ideia de utilizar as meias sem pares para confecção de bonecos e bonecas. “Assim, a gente reaproveita as meias que seriam descartadas, ensinamos as alunas uma nova forma de artesanato e, ainda, agradamos as crianças carentes com um presente do Dia das Crianças”, afirmou Sônia.

Os brinquedos que já começaram a ser produzidos devem ser entregues às crianças no dia 12 de outubro, data na qual é celebrado o Dia das Crianças. Ainda conforme Sônia, a ideia é que, neste ano, todos os alunos da educação infantil, de 0 a 5 anos, sejam beneficiadas.

“Demos o início e vamos continuar, cada semana em um centro de capacitação. Até outubro, pretendemos finalizar todas. Para isso, as professoras estão passando para voluntárias como faz e quem quiser pode até levar para a casa para fazer e multiplicar este projeto”, comentou Sônia.

O município conta com 26 escolas de educação infantil e 4.474 alunos matriculados, conforme o último levantamento feito pela Secretaria Municipal de Educação.

Para conseguir entregar os bonecos a todos os alunos, o Fusstat pede a colaboração da população, na doação de plumantes. Trata-se de uma fibra sintética utilizada no enchimento de bonecos. Este tipo de material está presente em almofadas e bichos de pelúcia.

Com a realização da Campanha do Agasalho, o Fundo Social ficou com um estoque “bastante alto” de meias. A entidade também dispõe de agulhas e outros itens necessários para a fabricação dos brinquedos. Contudo, precisa da doação de plumantes para finalizá-los.

O Fundo Social dispõe de mais de 3.000 meias, que já passaram por trabalho de triagem para serem transformadas em brinquedos. As montagens dos bonecos estão a cargo de alunos, voluntários e professores dos centros de capacitação.

“Esta foi a primeira semana, ainda vamos nos reunir mais vezes para fazer os bonecos. Provavelmente, será marcado um encontro por mês até a finalização de todas as peças”, garantiu.

A entrega dos plumantes deve ser feita na sede do Fundo Social, à praça Martinho Guedes, 12, no centro, de segunda-feira a sexta-feira, em horário comercial. A entidade também aceita doação de mão de obra. O telefone para contato é o 3305-3408.

Publicidade