Duas pessoas são presas em ação da PC contra comércio ilegal de armas

Órgão cumpre mandado de busca domiciliar em quatro endereços da cidade

6
Arma apreendida em ação da Polícia Civil no CDHU (foto: Divulgação PC)
Da redação

Um autônomo de 33 anos e um motorista de 30 anos foram presos na manhã de segunda-feira, 13, acusados de tráfico de drogas e porte ilegal de arma. As detenções ocorreram durante ação da Polícia Civil contra o comércio ilegal de armas de fogo.

Segundo o SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil, as averiguações começaram a partir da apreensão de um revólver e de um simulacro de fuzil ocorrida da cidade. Com isso, a equipe do setor passou a investigar para descobrir o proprietário das armas.

(foto: Divulgação PC)

A PC informou que, após alguns meses de investigação, conseguiu identificar algumas pessoas vinculadas ao armamento apreendido e apresentou os relatórios ao Poder Judiciário, que determinou o cumprimento de mandados de busca domiciliar em quatro endereços da cidade.

Os mandados, expedidos pela juíza Mariana Teixeira Salviano da Rocha, da 1º Vara Criminal de Tatuí, e pelo juiz Marcelo Nalesso Salmaso, da Vara da Infância e da Juventude, foram cumpridos em dois endereços da CDHU, um no Jardim Lucila e outro no Jardim Nossa Senhora de Fátima.

Durante a ação, em um dos endereços da CDHU, em imóvel pertencente a João Rodrigo Sperandio, autônomo de 33 anos, os policiais apreenderam seis munições calibre 38, um revólver Taurus calibre 38 e uma porção de maconha.

Segundo a PC, o acusado confessou a posse da arma e da droga, alegando que a maconha seria para consumo próprio. Contudo, em um cômodo superior, no mesmo endereço, policiais encontraram outras 41 porções da mesma droga.

O cômodo era ocupado pelo motorista Andrew Rodrigo Sousa Leite, de 30 anos. No local, ainda foram apreendidos “apetrechos” usados para a comercialização do entorpecente. Nos demais endereços, relacionados a dois adolescentes, nada de ilícito foi encontrado.

Ainda conforme a PC, além da arma e das drogas, a equipe apreendeu quatro aparelhos de telefonia celular, (sendo dois iPhones dos adolescentes), para dar continuidade às investigações.

(foto: Divulgação PC)

A operação contou com apoio das equipes da Romu e do canil da Guarda Civil Municipal de Tatuí. Segundo a PC, um dos presos possui histórico criminal, com condenações por roubo e tráfico de drogas.

Os dois acusados foram encaminhados à Delegacia Central, sendo João Rodrigo Sperandio detido por posse irregular de arma de fogo e posse de drogas para consumo pessoal e Andrew Rodrigo Sousa Leite, por tráfico de drogas.

Os outros dois adolescentes envolvidos na investigação foram ouvidos na presença dos pais e responsáveis e liberados em seguida.