Covid-19 tem queda nas infecções e aumento nas mortes nesta semana

Nos sete dias, VE registra o menor número contaminações dos últimos nove meses

2
Publicidade
Da redação

Nos sete dias recentes, o balanço semanal da Covid-19 apresentou nova redução no número contaminações. Contudo, houve aumento no número de mortes, com relação à semana anterior.

Conforme dados atualizados diariamente pela Vigilância Epidemiológica, órgão da Secretaria Municipal de Saúde, entre sábado da semana passada, 7, e esta sexta-feira, 13, o município teve 95 novas contaminações.

Em comparativo com o período anterior (31 de julho a 6 de agosto), quando a VE registrou 104 exames positivos, houve redução de 8,65%. Em relação ao pico de infecções até o momento (entre os dias 29 de maio e 4 de junho deste ano), quando 979 casos foram notificados, a queda é de 90,29%.

O número atual é o menor no município em quase nove meses. A última semana em que o órgão notificou menos casos confirmados da doença foi entre os dias 31 de outubro e 6 de novembro do ano passado, quando 88 pessoas haviam testado positivo.

A média de diagnósticos entre sábado e sexta-feira foi de 13,57 contaminados por dia e 0,56 por hora. Durante o período, o município somou 913 novas notificações da doença, confirmou 95 e descartou 827.

Publicidade

Em contrapartida, no mesmo período, o número de vítimas fatais em decorrência do novo coronavírus aumentou 33,33%. Nos sete dias mais recentes, a VE notificou quatro mortes, contra três na semana de 31 de julho a 6 de agosto.

Os casos mais recentes foram notificados nesta sexta-feira, 6, referentes a três pacientes que estavam internados na unidade de terapia intensiva da Santa Casa de Misericórdia, sendo um homem de 64 anos, falecido na quinta-feira, 12, às 10h46; uma mulher de 58 anos, falecida na quinta-feira, às 19h; e uma mulher de 47, na madrugada de hoje às 2h.

Na segunda-feira, 9, o órgão da Secretaria da Saúde já havia notificado a morte de um homem de 60 anos, falecido na madrugada de domingo, 8, também na unidade de terapia intensiva da Santa Casa.

Com os novos óbitos confirmados, Tatuí havia acumulado, até esta sexta-feira, 13, 446 vítimas fatais do novo coronavírus, sendo 191 mulheres (128 na faixa dos 60 anos e 63 entre 29 e 59 anos) e 255 homens (166 acima dos 60 anos e 89 entre 29 e 59 anos).

Os números representam taxa de 2,48% de letalidade – índice calculado pelo número de óbitos em comparação à quantidade total de casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus.

Até sexta-feira, Tatuí havia atingido 70.561 notificações da doença, sendo oito casos suspeitos aguardando resultado dos testes, 52.611 exames negativos e 17.942 testes positivos de Covid-19.

Dos confirmados, 17.459 pacientes já estavam recuperados (97,31%) e 37 ainda permaneciam em tratamento: oito em hospitais e 26 em isolamento domiciliar. Dos oito casos suspeitos, seguiam em tratamento: seis em hospitais e dois em casa.

Nesta sexta-feira, conforme o boletim epidemiológico mais recente, a ocupação tanto de leitos clínicos como de UTIs reservados para o tratamento de pacientes com suspeita ou positivos para a Covid-19 mantinha-se abaixo do limite máximo.

O órgão municipal indica que a Santa Casa tem capacidade para 15 leitos de UTI e estavam internados oito pacientes com Covid-19, com taxa de ocupação de 53%.

A VE ainda informa que os leitos clínicos para tratamento de Covid-19 no hospital público comportam 22 pacientes e, no local, estavam internados sete pacientes na sexta-feira, culminando em taxa de ocupação de 31%.

No hospital particular, estavam internados dois pacientes, ambos na ala de leitos clínicos destinados ao tratamento de pessoas com exames positivos ou suspeitos de coronavírus, com quadro estável de saúde.

Publicidade