Campanha de multivacinação em Tatuí acontece nas escolas municipais

Ação objetiva revisar e atualizar as cadernetas de vacinas dos estudantes

Ação vacinal acontece até o sábado 13 (Foto: Divulgação)
Da redação

Entre os dias 1º e 13 de abril, a prefeitura, por meio das Secretarias de Saúde e da Educação, realiza a Campanha de Multivacinação nas escolas em Tatuí. O intuito, segundo as pastas, é revisar e atualizar as cadernetas de vacinas dos alunos da rede municipal. A ação também cumpre determinações do Ministério da Saúde.

De acordo com a prefeitura, todas as escolas municipais entregarão, para os pais ou responsáveis de alunos menores de 15 anos, um termo de revisão e atualização da caderneta de vacinação, convocando-os para irem até a unidade básica de saúde (UBS) onde estão cadastrados.

Desta forma, os profissionais checarão o documento e um termo será assinado e devolvido aos pais, os quais devem entregá-lo na unidade escolar.

No entanto, caso a criança apresente algum atraso vacinal, o agente de saúde irá reter o termo de revisão e entregará ao responsável pela criança uma declaração de atraso, a qual deverá ser levada por ele à escola. O documento só será devolvido à instituição de ensino quando a situação vacinal estiver atualizada por completo.

A Vigilância Epidemiológica salienta não ser preciso que a criança acompanhe o responsável na UBS para ser carimbado e assinado o documento. Caso ela esteja com alguma dose atrasada, será agendada uma data de retorno para o recebimento da dose, conforme o calendário vacinal.

Os pais devem procurar os postos de saúde no período de funcionamento das salas de vacina, de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 15h, nas UBSs dos bairros: Valinho, vila Dr. Laurindo, CDHU, Tokio, Central (Postão), São Cristóvão, vila Angélica, Santa Luzia, Jardins de Tatuí, Vila Esperança, Rosa Garcia e Santa Rita de Cássia; e das 8h às 12h, no Santa Cruz.

Nos dias 6 e 13 (sábados), a UBS o Postão funciona das 8h às 16h para revisão e atualização das cadernetas. Nesses dias, serão atendidos usuários de todas as unidades de saúde do município.

De acordo com as pastas, são disponibilizadas vacinas para poliomielite, meningocócica C conjugada, tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), febre amarela, pentavalente (difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e doenças invasivas causadas pelo haemophilusIn Influenzae b), HPV (entre 9 e 14 anos), meningocócica ACWY e Covid-19.

Conforme a prefeitura, a ação objetiva ampliar a cobertura vacinal de crianças e adolescentes, reduzir o risco de adoecimento da população por doenças imunopreveníveis (aquelas que podem ser prevenidas por meio de vacina, como poliomielite, sarampo, rubéola, caxumba, febre amarela, hepatite B, tétano, entre outras), reduzir os bolsões de não vacinados, proteger a comunidade escolar e familiar e atualizar a situação vacinal por meio da checagem da caderneta de vacinação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui