‘BRF Tatuí’ doa R$ 1,2 milhão à Santa Casa de Misericórdia

Unidade hospitalar investe recursos em novos equipamentos

3
BRF entrega cheque simbólico a autoridades municipais (foto: AI Prefeitura)
Publicidade
Da redação

A BRF S/A Unidade Tatuí fez a doação de R$ 1.234.330 para a Santa Casa de Misericórdia de Tatuí. A entrega simbólica do recurso ocorreu na sexta-feira da semana passada, 21, na Maternidade Municipal “Maria Odete Campos Azevedo”.

O evento contou com a presença do prefeito Miguel Lopes Cardoso Júnior; da secretária da Saúde, Tirza Luiza de Melo Meira Martins; da interventora da Santa Casa, Yrisviviane Tavares Gonsalves Silva; e dos médicos Maria Laura Lavorato Matias (diretora técnica) e Henrique Prestes Miramontes (diretor clínico).

Também estiveram presentes o médico da BRF S/A, Antonio Pádua Prestes Miramontes, a gerente executiva da BRF, Giovanna Correa, e o coordenador de gente da BRF, Edson Gonçalves.

Segundo a diretora técnica do hospital, com os recursos, foram comprados novos equipamentos, como respiradores, monitores e aspiradores, que estão sendo utilizados nas unidades de terapia intensiva, inclusive da ala de tratamento da Covid-19.

Já o prefeito agradeceu a parceria e disse estar “muito feliz com a doação, que vai ajudar a salvar vidas”. “Esta visão social é muito importante, e esta iniciativa do Comitê de Investimento Social da BRF mostra a credibilidade que esta instituição tem”, destacou o chefe do Executivo.

Publicidade

Volta das eletivas

De acordo com Maria Laura, a Santa Casa retomou no dia 1º de agosto as cirurgias eletivas, que estavam suspensas devido à ocupação dos leitos com os inúmeros casos de Covid-19.

A médica explica que, devido à redução das internações relativas ao novo coronavírus, as cirurgias eletivas puderam ser retomadas. Segundo ela, estão sendo feitas as cirurgias de: colecistectomias, hemorroidectomias, herniorrafias, pediátricas, ginecológicas (histerectomias, ooforectomias, laqueaduras, exérese de nódulos de mama e mastectomias) e ortopédicas.

“Os pacientes que foram desmarcados estão sendo convocados para um novo agendamento, bem como as avaliações pré-cirúrgicas e pré-anestésicas reiniciaram nos ambulatórios”, informa a diretora técnica do hospital.

Publicidade