51% não creem que eventos se consolidem em ações práticas

268
Publicidade





Ações de conscientização de motoristas e pedestres são realizadas todo mês de setembro em Tatuí por conta da “Semana Nacional de Trânsito”. No município, a programação local deste ano agrega distribuição de panfletos educativos para condutores e não condutores e palestras junto a alunos de escolas da rede municipal da Educação.

Mesmo com os esforços das autoridades, neste caso em específico, o Demutt (Departamento Municipal de Trânsito e Transportes), os eventos não se revertem em ações práticas de melhoria do trânsito. Pelo menos esta é a opinião da maioria dos leitores que participou de enquete virtual realizada pelo jornal O Progresso.

A pesquisa online é disponibilizada em “O Progresso Digital” e acessível na primeira página do site www.oprogressodetatui.com.br. Ela está localizada no canto direito do leitor, permitindo, além do voto, verificação de resultados parciais.

As totalizações acontecem sempre às tardes das sextas-feiras que antecedem a publicação das edições de domingo. Nesta semana, a votação apontou que a “metade mais um” dos leitores (51%) “não acredita que eventos de conscientização como a Semana do Trânsito possam se reverter em ações práticas de melhoria do trânsito”.

Publicidade

Entre as melhorias, citam-se a fluidez do tráfego, facilidade de cruzamento de vias, melhores condições do asfalto. Para 49% dos votantes, eventos como a semana local podem, “sim”, se transformar em conquistas palpáveis.

Visando aferir mais uma vez a opinião dos tatuianos, a enquete desta semana trata de economia. A ACE (Associação Comercial e Empresarial) de Tatuí projeta aumento na contratação de temporários de 1% neste ano com relação ao ano passado. São estoquistas, vendedores, repositores contratados no final do ano que reforçam o “time” das lojas visando vendas de fim de ano.

A presidente da entidade, Lucia Bonini Favorito projetou, também, que o comércio deverá se manter aquecido. No fim do ano, os trabalhadores têm como incremento o pagamento de 13o salário. Pegando “carona” na reportagem desta edição, o jornal pergunta: “De que maneira você pretende gastar seu 13o salário?”.

As respostas são: “com compras no comércio local”, “com aquisição de veículos”, “com aquisição de imóveis (terreno ou casa)” e “para pagamento de dívidas do início do ano”.

O questionamento pode ser respondido a partir deste sábado, 18, por quase uma semana, até o dia 24. A publicação do resultado final sairá no dia 26.


Publicidade