Tráfego na ponte do Marapé é aberto aos veículos não pesados

0
199
Publicidade
Damásio nivel medio
Bendita Filo
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

A Prefeitura liberou a circulação apenas de veículos leves na ponte do Marapé. O dispositivo voltou a receber fluxo de carros, caminhonetes e ônibus de linha municipal nesta quinta-feira, 10, após evento promovido pela Prefeitura.

A cerimônia de inauguração da nova ligação aconteceu a parir das 18h, com presença de moradores do entorno e da prefeita Maria José Vieira de Camargo. Com a abertura, a ponte teve o tráfego liberado aos veículos que partem da rua Capitão Lisboa.

Contudo, caminhões continuarão a não poder passar pela via. O diretor do DMMU (Departamento Municipal de Mobilidade Urbana), Yustrich Azevedo da Silva, informou que o Executivo prepara outro acesso para os veículos pesados.

Segundo ele, as passagens de caminhões dos tipos toco e truck, respectivamente, semipesados e pesados, terão de ser feitas exclusivamente pela ponte do Jardim Junqueira. O dispositivo deverá ser concluído pela empreiteira CSC Engenharia e Construção Ltda. e inaugurado pela Prefeitura no mês que vem.

Até lá, só passarão pela região do Marapé, com acesso pela ponte “Pérsio Santi”, carros, motocicletas e vans. Também estão permitidos os ônibus que fazem as linhas urbanas (escolares e de empresa responsável pelo transporte público) e os chamados VUCs (veículos urbanos de cargas).

Neste primeiro momento, Silva informou que o departamento não vai liberar acesso aos veículos utilizados no transporte intermunicipal. Os ônibus que vão e vêm de São Paulo e cidades da região não poderão passar pela ponte.

Eles continuarão a fazer o trajeto pela rua 11 de Agosto, com saída pela rodovia Antonio Romano Schincariol (SP-127). “Ainda não decidimos quanto ao transporte intermunicipal, mas o urbano será normalizado”, informou o diretor.

Publicidade
EleService institucional

Isso significa que, já nesta sexta, os ônibus de linha circular que atendem às vilas São Cristóvão e Angélica, ao Jardins de Tatuí e aos Jardins Aeroporto e Gonzaga, retomarão o trajeto pela ponte do Marapé.

A normalização da circulação deve ocorrer, de fato, em setembro, com a entrega da ponte da rua Maria Aparecida Santi, que liga o Jardim Junqueira ao São Cristóvão.

Pela nova ligação devem passar os veículos extrapesados, trucados e os com mais de dois eixos. Já prevendo esta circulação, o DMMU trabalha na implantação de um horário específico para entrada e saída desses veículos.

Silva antecipou que o departamento vai delimitar uma faixa de horário, de modo a não atrapalhar o tráfego durante o dia e em horários de pico, como a manhã, o almoço e o fim da tarde. Os veículos de grande porte terão autorização de circulação no período das 19h às 9h, para a realização de carga e descarga.

O diretor explicou que a restrição faz parte da política de mobilidade urbana desenvolvida com o objetivo de tornar o tráfego da cidade melhor, menos lento e mais seguro. Silva ressaltou, ainda, que a adoção da medida é essencial para manter a fluidez do trânsito, visto a grande quantidade de veículos em circulação.

Até o momento, não há prazo para a implantação do novo horário de circulação. Silva informou que a medida será adotada gradativamente e à medida em que houver necessidade. Antes disso, o DMMU fará ações de orientação junto aos caminheiros e aos motoristas que dirigem veículos pesados.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Publicidade
Alessandra Bonilha, dra

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome