Setor de obstetrícia da Santa Casa ganha novos aparelhos

SC recebe berço de estabilização para recém-nascidos

149
Sala de parto montada com equipamentos adquiridos pelo LCIF (foto: AI Prefeitura)
Publicidade
Da reportagem

O Centro de Obstetrícia da Santa Casa de Misericórdia de Tatuí recebeu, na semana passada, uma unidade de cuidado intensivo básico, uma espécie de “bercinho de estabilização” para recém-nascidos.

A unidade, doada pela LCIF (Fundação Interacional de Lions Clubes), inicialmente, seria entregue junto com a inauguração da nova sala de partos do hospital público. Contudo, a prefeitura informou que, por conta da pandemia, a empresa contratada adiou a entrega, alegando falta de algumas peças para a montagem.

Uma sala do Centro de Obstetrícia foi totalmente reformada com equipamentos comprados pela LCIF. O investimento somou R$ 134 mil, fruto de parcerias da prefeitura com a Santa Casa, o Lions Clube de Tatuí, o Fusstat (Fundo Social de Solidariedade) e o Lions Clube de Cerquilho.

O investimento da fundação permitiu a compra de bisturi elétrico, berços hospitalares, mesa cirúrgica elétrica, foco cirúrgico de teto Skyled, suporte de monitor, carro de administração de equipamento, bomba de infusão volumétrica de seringas e, agora, a unidade de cuidado intensivo básico.

O novo serviço foi inaugurado no dia 26 de março, atendendo ao projeto “Parto Humanizado”, iniciado na gestão anterior do clube de serviços e concretizado no ano leonístico 2020/2021, que tem como principal objetivo “garantir a saúde pública de qualidade aos que contam com a Santa Casa para receber atendimentos”.

Publicidade

De acordo com a secretaria municipal da Saúde, a maternidade “Maria Odete Campos Azevedo”, da Santa Casa, atende, em média, 1.800 partos por ano.

Os dados incluem, além de Tatuí, pacientes das cidades de Quadra, Cerquilho, Cesário Lange e Capela do Alto. Somente no mês de abril, a unidade pública registrou o nascimento de 139 crianças.

O presidente do Lions Clube de Tatuí, Christian Pereira de Camargo, agradeceu o investimento feito pela LCIF e garantir estar feliz por ter, na Santa Casa, uma sala equipada com novos aparelhos.

“São equipamentos que vão salvar vidas. Nossa gratidão à LCIF e a todos que puderam tornar este projeto realizado, já a partir de 2020, quando foi iniciado”, disse Camargo, por meio de nota à imprensa.

A prefeita Maria José Vieira de Camargo também agradeceu à LCIF e acentuou a importância do trabalho voluntário: “Quero deixar aqui minha gratidão a todos os voluntários do Lions que trabalham unidos em causas humanitárias, além da Fundação de Lions LCIF.

Na inauguração, ela ressaltou que, sem o voluntariado, não seria possível promover tantas ações junto à Santa Casa, destacando os clubes de serviços como voluntários e parceiros na revitalização do hospital.

“O que seria de Tatuí, neste momento de crise, sem a reforma que realizamos juntos?”, questionou. “Não é só a prefeita que está mudando essa realidade, somos todos nós. Hoje, damos um passo importante com novos equipamentos para o centro de obstetrícia”, concluiu Maria José.

Publicidade