Senai oferece curso da área da cerâmica via unidade móvel

219
Publicidade





AC Prefeitura / Evandro Ananias


Carreta estacionada na frente da Prefeitura é destinadaa funcionários

 

O Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) iniciou em Tatuí capacitação de profissionais do setor cerâmico. Eles fazem curso gratuito que aborda manutenção de sistemas automatizados de controle de máquinas, na unidade móvel do Senai.

Publicidade

Trata-se de uma carreta que está instalada ao lado da Prefeitura, na avenida Cônego João Clímaco de Camargo (Mangueiras).

A informação é da assessoria de comunicação da Prefeitura, que destacou que o Executivo vem “investindo pesado em qualificação profissional e em políticas públicas para inserção e reinserção no mercado de trabalho”.

O curso é oferecido na sequência à formação viabilizada por meio da carreta do “Via Rápida Emprego” este mês. Esta iniciativa, realizada em parceria com o governo de São Paulo, capacitou 60 alunos em metrologia.

A capacitação via Senai é voltada à atividade cerâmica e “faz parte de uma ampla parceria entre o Senai, Acertar (Associação dos Ceramistas de Tatuí e Região) e Prefeitura”, por meio da Secretaria Municipal da Indústria, Desenvolvimento Econômico e Social.

Segundo o secretário da pasta, Ronaldo José da Mota, os alunos que estão fazendo o curso foram indicados para receber treinamento pelas próprias indústrias onde trabalham.

“O curso tem carga horária de 40 horas e formará duas turmas de 12 alunos cada uma, no período da tarde e à noite. E o mais importante: não tem nenhum custo para o aluno que, no final, receberá um certificado reconhecido pelo mercado de trabalho”, disse o titular da secretaria.

As aulas de aperfeiçoamento profissional, intituladas “CLP Siemens, Step 7, Avançado”, têm como objetivo desenvolver as competências relativas à intervenção e elaboração de programas básicos, “de acordo com a norma IEC 1131, dos controladores lógicos programáveis da família Simatic S7”.

A capacitação utiliza o software de programação Step7, de acordo com normas técnicas, ambientais, de saúde, segurança no trabalho e qualidade na produção.

Todos os participantes já concluíram o nível médico e têm especializações como instrumentistas auxiliares, instrumentistas, instrumentistas industriais, eletricistas de manutenção, eletricistas instaladores ou comprovação de conhecimentos na área eletrônica ou experiências de instrumentação.

De acordo com a assessoria de comunicação da Prefeitura, este é o terceiro curso do ano realizado no município por meio de parceria que une o Senai e o Executivo.


Publicidade