Saúde confirma mais 2 óbitos por Covid-19; 2 mortes são descartadas

Nas 24 horas recentes, 20 tatuianos testaram positivos para a doença

11
Publicidade
Da redação

Na manhã desta quinta-feira, 22, a Secretaria Municipal da Saúde, informou ter notificado mais dois óbitos confirmados e dois descartados para Covid-19. Além disso, nas últimas 24 horas, a VE notificou 20 novos casos positivos, 185 suspeitos e 164 descartados.

Um dos óbitos confirmados é de um paciente de 58 anos que estava na relação de suspeitos. Ele falecera na unidade de terapia intensiva da Santa Casa de Misericórdia, às 14h43, do domingo, 18.

Outro óbito positivo notificado nesta manhã é referente a um homem de 79 anos. O paciente estava internado na UTI da Santa Casa de Misericórdia, onde faleceu, às 21h20, de ontem, quarta-feira, 21.

Os dois óbitos descartados são de dois homens, sendo: um de 78 anos, que estava internado na Clínica Covid da Santa Casa de Misericórdia e falecera na terça-feira, 20, às 2h30; e o outro de 80, que estava internado na UTI na Santa Casa e falecera na segunda-feira, 19, às 1h20.

O órgão municipal indica que a Santa Casa local tem capacidade para 15 leitos de UTI, e estão internados seis pacientes na ala reservada a casos confirmados e suspeitos da Covid-19, com a taxa de ocupação de 40%.

Publicidade

A VE ainda informa que os leitos clínicos para tratamento de Covid-19 no hospital público comportam 22 pacientes e estavam internados 16, culminando em uma taxa de ocupação de 72%.

No hospital particular, estão internados cinco pacientes, sendo dois na unidade de terapia intensiva com quadros que necessitam de cuidados e três na área de leitos clínicos, com quadro estável de saúde.

Até a divulgação do boletim, atualizado nesta manhã, o município somava 67.630 notificações de doença, sendo 16 casos suspeitos aguardando resultados dos testes, 50.005 descartados e 17.609 positivos.

Dos positivos, 17.061 já estão recuperados (96,8%), 435 morreram e 113 estão em tratamento: 26 em hospitais e 87 e, isolamento domiciliar. Dos casos suspeitos, 16 estão em tratamento: um em hospital e 15 em casa.

Publicidade