Produtos recicláveis são ‘pegos’ pela ‘Coleta Seletiva Solidária’

Prefeitura e Cooreta percorrem dezenas de bairros de 2ª a 6ª

265
Coletores recolhem lixo derivado de materiais recicláveis (foto: AI Prefeitura)
Publicidade
Da redação

A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, com apoio da Cooreta (Cooperativa de Reciclagem de Tatuí), promove a “Coleta Seletiva Solidária”, percorrendo os bairros da cidade para recolher lixos derivados de materiais recicláveis.

Os caminhões de coleta circulam de segunda-feira a sexta-feira, a partir das 7h30. Às segundas-feiras, os produtos são recolhidos nos Jardins Junqueira, São Paulo e Paulista, Bosques do Junqueira, Colina Verde e nas imediações do Lar São Vicente de Paulo até a rua Alberto dos Santos, na vila Doutor Laurindo.

Às terças-feiras, as coletas são feitas na área central, a partir da praça Cesário Mota (a Praça do Junqueira), rua do Cruzeiro até a Marechal Deodoro da Fonseca, no Residencial Alvorada, Village Engenheiro Campos, vilas São Paulo e Brasil, Parque Lincoln e Nova Tatuí.

No Jardim Lírio, na vila Doutor Laurindo, entre as vias Professora Maria Conceição Oliveira Marcondes e Dalmácio de Azevedo, nos Parques Três Marias e Santa Maria, no Jardim Manoel de Abreu e nas vilas Palmira, Jurema, Santa Luzia, Minghini e Primavera, os caminhões passam às quartas-feiras. A cada 15 dias, a coleta é efetuada nos bairros rurais Americana e Mirandas.

Os caminhões recolhem os itens, às quintas-feiras, nos bairros Valinho, Andreia Ville 1 e 2, Jardins Saba, São João e Mantovani, Fundação Manoel Guedes, Inocoop, Rosa Garcia, vila Menezes, alto do Santa Cruz e em quatro ruas acima do Mercado Municipal “Nilzo Vanni”, até a avenida Donato Flores: 15 de Novembro, Santa Cruz, Juvenal de Campos e Prudente de Moraes.

Publicidade

Ainda às quintas-feiras, a ação percorre os bairros Santa Emília, CDHU Orlando Lisboa de Almeida, Residencial Atlanta, os Jardins Lucila, 11 de Agosto, Wanderley e Planalto, além da Coop (Cooperativa de Consumo), situada na rua Coronel Lúcio Seabra, no centro.

E às sextas-feiras, a coleta é promovida em edifícios e pontos comerciais localizados na área central.

Os produtos que podem ser reciclados e recolhidos pela equipe da Coleta Seletiva Solidária são divididos em quatro categorias. Uma delas é o papel, incluindo caixas longa-vida, cartolinas, papel seda, caixa de papelão, jornais, revistas, cadernos e livros.

As categorias são: metal, como objetos de alumínio, cobre, bronze, chumbo, grampos e clipes; vidro, incluindo garrafas, frascos de condimentos, copos e pratos; e plástico, como sacos e sacolas, isopor, escovas de dente, canetas sem carga, garrafas PET, baldes e tampas.

Outros tipos de materiais, como madeiras, pneus, entulhos e eletroeletrônicos – além dos recicláveis já citados -, podem ser descartados nos dois ecopontos da prefeitura

Os locais funcionam diariamente, das 7h às 18h, sendo que, aos sábados e domingos, permanecem fechados das 12h30 às 13h30, para almoço.

Um dos ecopontos está situado na rua Flávia de Oliveira, próximo ao número 107, no bairro Jardins de Tatuí, e recebe madeiras, entulhos e materiais recicláveis.

O outro ecoponto está localizado na rua Victória dos Santos Gomes, no bairro Rosa Garcia 2, no antigo frigorífico, para descarte de sofás, colchões, madeiras, entulhos, eletrônicos (desde que não estejam abertos), pneus e recicláveis.

Por meio do departamento de comunicação da prefeitura, a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente destaca o papel social da ação: “Ela gera empregos para quem realiza a coleta e a triagem de materiais reciclados descartados por empresas, órgãos públicos e residências”.

Conforme a pasta, a Coleta Seletiva Solidária também “promove a inclusão social dos catadores de materiais recicláveis, profissionais que, historicamente, fazem parte de uma parcela da população marginalizada e que, nos últimos anos, se organizaram com o apoio da prefeitura para melhorarem as respectivas condições de vida”.

Ainda de acordo com a pasta, a ação entre a prefeitura e a Cooreta “reduz a produção de resíduos e ainda institui políticas públicas para recuperação e conservação ambiental, tratamento e destinação responsável de todos os resíduos gerados”.

Mais informações sobre a Coleta Seletiva Solidária podem ser obtidas pelo telefone (15) 3205-1199, de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 16h, ou pelo e-mail: meioambiente@tatui.sp.gov.br.

Publicidade