Produções finais de prêmio em mostra de cinema do Sesi

269





De 22 de agosto a 3 de outubro, o Sesi exibirá, semanalmente, um filme da mostra “IX Prêmio Fiesp/Sesi-SP”, que reúne os oito finalistas da edição deste ano.

A entrada é gratuita e os filmes serão passados na unidade local do Sesi, localizada na avenida São Carlos, 900, vila Doutor Laurindo. A entrada é gratuita.

A primeira sessão acontece dia 22, quinta-feira, com o filme “Xingu”, de Cao Hamburguer, às 14h. Com duração de 102 minutos, o longa, que é recomendado para maiores de 12 anos, conta a história dos irmãos Orlando (Felipe Camargo), Cláudio (João Miguel) e Leonardo Villas Bôas (Caio Blat), que resolvem trocar o conforto na cidade grande pela aventura de viver nas matas e desbravá-las.

Para isso, resolvem alistar-se no programa de expansão pela região Centro-Oeste do Brasil, incentivado pelo governo. Com enorme poder de persuasão e afinidade com os habitantes da floresta, os três tornam-se referência nas relações com os povos indígenas, vivenciando incríveis experiências, entre elas, a criação do “Parque Nacional do Xingu”.

Em Tatuí, a programação segue com o documentário “Tropicália” e o curta “A Noite dos Palhaços Mudos”, no dia 29 às 19h30; o filme “Eu Receberia as Piores Notícias dos Seus Lindos Lábio”, no dia 5 de setembro, às 19h30; “Área Q”, em 12 de setembro, às 14h; “Corações Sujos”, dia 19 de setembro, também às 14h.

A programação volta ao horário noturno com “Era uma Vez Eu, Verônica”, às 19h30 do dia 23 de setembro; e encerra com “Sudoeste”, exibido em 3 de outubro, às 14h.

A mostra “IX Prêmio Fiesp/Sesi-SP” acontece nas 53 unidades do Sesi, de 19 de agosto a 6 de outubro. Neste ano, o projeto ganhou dimensão nacional, com a inscrição de 126 produções cinematográficas.

O prêmio aconteceu em junho de 2013 e contemplou grandes nomes do cenário artístico brasileiro, entre eles, o diretor Cao Hamburguer, pelo filme “Xingu”; o diretor de arte Daniel Flaksman, por “Corações Sujos”; e os atores Camila Pitanga e Zé Carlos Machado, por “Eu Receberia as Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios”.