Prefeitura realiza ato de entrega do mural ‘Capital da Música’ nesta segunda

Mosaico retrata orquestras tatuianas em muro na marginal do Manduca

404
Peças foram confeccionadas pela artista plástica Soraya Rossi Camargo, em parceria com professores e artistas convidados (foto: AI Prefeitura)
Publicidade
Da reportagem

Com a proposta de criar um novo atrativo turístico, a prefeitura, por meio das Secretarias do Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude e da Educação, realizará nesta segunda-feira, 16, às 19h, um ato oficial para a entrega do Mural em Mosaico “Capital da Música”.

A cerimônia, que deve reunir autoridades municipais e convidados, acontece na avenida Professora Maria Aparecida Santi, na marginal do ribeirão do Manduca, ao lado do Supermercado Barbosa.

O projeto, que teve início no dia 26 de junho, a pedido da prefeita Maria José Vieira de Camargo, consiste no desenho de uma orquestra se apresentando sob a regência do maestro Antonio Carlos Neves Campos, em homenagem ao músico tatuiano.

A obra de arte, feita totalmente em azulejo, começou a ser instalada no dia 30 de setembro, em uma parede de 2,40 metros de altura e 136 metros de comprimento.

As peças foram confeccionadas pela artista plástica Soraya Rossi Camargo, em parceria com outros 18 professores de arte da rede municipal de ensino e artistas convidados, com apoio da Cerâmica Strufaldi e da rede de supermercados Barbosa.

Publicidade

O projeto também recebeu colaboração do professor Luís Marcos Caldana, que integra a equipe do Conservatório de Tatuí e foi o responsável por auxiliar a equipe na montagem dos desenhos fixados no muro, indicando a posição em que cada instrumento deveria estar, bem como os membros da orquestra retratada no projeto artístico.

Para realizar o trabalho de montagem do mosaico, a equipe se reuniu diariamente em uma oficina, instalada em um espaço cedido pelo Colégio Objetivo, situado dentro da instituição.

O secretário do Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude, Cassiano Sinisgalli, aponta que o projeto completa o trabalho da cidade para manter-se como MIT (município de interesse turístico) e pleiteia o título de estância.

Segundo ele, para manter a cidade como MIT, é necessário ampliar a oferta de equipamentos turísticos. “Este é mais um ponto, que eu acredito que vai ser atração para os visitantes, principalmente, por estar na entrada de uma marginal que já foi totalmente revitalizada”, completa o secretário.

Publicidade