Ponte Preta de 1970

638





Talvez a melhor formação da história da denominada “macaca” campineira, uma reunião de jogadores talentosos. Alguns, começando a carreira; e com a experiência do consagrado Roberto Pinto, que ditava o ritmo de jogo daquele time, disputando a Taça de Prata em 1970, um campeonato que antecedeu o, hoje, Campeonato Brasileiro.

Em pé: Teodoro, Wilson Quiqueto, Samuel, Dagoberto, Nelsinho (tornou-se treinador) e Santos. Agachados: Ditinho, Dicá, Manfrini, Roberto Pinto e Adílson.

Roberto Pinto havia sido um nome importante na equipe do Vasco dos anos 1960. Sobrinho do grande Jair Rosa Pinto, outro craque consagrado do futebol brasileiro, ele orientava a equipe dentro de campo. Na ocasião, jovens craques como Dicá, Manfrini e Teodoro chamavam a atenção pela habilidade e força, fazendo da Ponte Preta daquela época uma forte equipe. Grandes craques e histórias do futebol.

NOTA: As fotos são do arquivo pessoal do autor, que data de 50 anos. Ele, como colecionador e historiador do futebol, mantém um acervo não somente de fotos, mas de figurinhas, álbuns, revistas, recortes e dados importantes e registros inéditos e curiosos do futebol, sem nenhuma relação como os sites que proliferam sobre o assunto na rede de computadores da atualidade