PM prende homem por tentativa de homicídio contra enteado em Tatuí

Indiciado teria efetuado disparos de arma de fogo em direção a vítima

585
Da redação

Um funcionário público municipal de 51 anos acabou preso, na madrugada de segunda-feira, 27, acusado de tentativa de homicídio, no Jardim Wanderley. Durante a ação, a Polícia Militar apreendeu uma arma de fogo, além de munições deflagradas e intactas.

De acordo com a corporação, por volta das 23h30 de domingo, 26, uma equipe foi informada de que o servidor municipal teria atirado contra uma pessoa no Jardim Wanderley e, na sequência, se deslocado em direção a área central em um veículo prata.

Os agentes iniciariam o patrulhamento e, conforme a PM, um automóvel com características semelhantes foi localizado na avenida Salles Gomes, sendo abordado. Em busca pessoal ao funcionário público e mais um homem que estava no carro, nada de ilícito foi encontrado.

Entretanto, segundo a PM, em revista veicular, os policiais encontraram um revólver, calibre 38, com a numeração suprimida, contendo cinco munições, além de um munição intacta e três, suprimidas, do mesmo calibre, ao lado.

Conforme a PM, o funcionário público – que conduzia o veículo – disse ter comprado o revólver por R$ 3.000 e confessou ter efetuado disparos contra o enteado dele, um autônomo de 25 anos. O outro ocupante do carro teria apenas recebido carona.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima esteve na Delegacia Central e confirmou que o padrasto havia atirado contra ele e que, para conseguir fugir, saiu correndo com o filho no colo.

Ainda segundo o boletim, o acusado, identificado como Jefferson Ribeiro de Barros, recebeu voz de prisão, sendo conduzido ao Pronto-Socorro Municipal “Erasmo Peixoto”, antes de ser apresentado no plantão policial. O delegado plantonista requisitou exames periciais ao carro e a casa da vítima e residuográfico ao indiciado.

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome