Pássaro Ferido

10
Raymundo Farias de Oliveira

Estou só

a cadeira à minha frente

entre as flores da sacada

está vazia…

há um silêncio de pássaro ferido

querendo voar nesta manhã azul

a viuvez no casamento duradouro e feliz dói muito

como dói!

Não sinto solidão

sinto saudade

muita saudade!

Não consigo fechar

a imensa cortina do passado…

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome