Últimos clubes

403
Publicidade





No ocaso da carreira e tentando ainda usufruir dos últimos momentos da fama, craques renomados perambulam por clubes não tão expressivos. Em se tratando de torcidas e de títulos, vários exemplos podem ser citados, como o lateral Rildo, do Botafogo, Santos e seleção nacional, que defendeu o Ceub, de Brasília; Garrincha, entre outros clubes, defendeu o pequeno Olaria, do Rio; Coutinho, grande companheiro de gols de Pelé, do maravilhoso Santos, ainda tentou mostrar seu faro de goleador no antigo Saad, de São Caetano do Sul; Og Moreira, um brilhante zagueiro palmeirense dos anos 1940, esteve no XI de Agosto, de Tatuí, em 1952, quando este disputou a então segunda divisão de profissionais; o goleiro Ado, tricampeão do mundo em 1970, mostrou seu futebol em Rio Claro, cidade paulista; outro tricampeão de 1970 e um dos melhores daquela Copa, Jairzinho, esteve no Noroeste, de Bauru, conforme mostra a foto, segundo agachado a partir da esquerda, em que aparecem também o goleiro João Marcos e o ponta Baroninho, que praticamente começavam a carreira.

Grandes craques, muitas recordações e histórias.

NOTA: As fotos são do arquivo pessoal do autor, que data de 50 anos. Ele, como colecionador e historiador do futebol, mantém um acervo não somente de fotos, mas de figurinhas, álbuns, revistas, recortes e dados importantes e registros inéditos e curiosos do futebol, sem nenhuma relação como os sites que proliferam sobre o assunto na rede de computadores da atualidade


Publicidade
Publicidade