Tatuiana precisa de mais ‘curtidas’ para conseguir ser miss nacional

Público pode garantir classificação de Grasiane Santos à próxima etapa

501
A miss Tatuí plus size Grasiane Santos Pereira
Publicidade
Da reportagem

A miss Tatuí plus size Grasiane Santos Pereira está próxima de classificar-se para a próxima etapa do “Miss Brasil Plus Size 2020 Virtual”. Para isso, precisa receber ainda mais “curtidas” nas redes sociais.

Na primeira e segunda etapas, as 29 candidatas demonstraram a “desenvoltura” através do método “ProtagoMiss”, idealizado por Taiane Celice, responsável pelo “Grupo sua Linda”, organizadora do concurso, além de contarem com a ajuda da “torcida” para seguirem no concurso.

Serão classificadas à terceira fase as 15 concorrentes a receberem mais curtidas nos perfis oficiais do Miss Brasil Plus Size, sendo dez no Instagram e cinco no Facebook. A votação virtual se encerra na próxima sexta-feira, 25, às 23h59.

Até o final da tarde desta segunda-feira, às 16h30, a tatuiana era a quinta colocada no Facebook, com 367 curtidas e 136 compartilhamentos. Grasiane possuía 21 e 40 likes a mais que as candidatas na sexta e na sétima posições, respectivamente.

Já no Instagram, Grasiane havia recebido 281 curtidas e 543 comentários (o número de compartilhamentos não estava visível). No entanto, outras 18 concorrentes estavam com mais curtidas que ela.

Publicidade

Em caso de empate, a organização irá considerar o maior número de comentários e compartilhamentos na foto da candidata no Instagram; no Facebook, o desempate será através do maior número de compartilhamentos.

Para votar em Grasiane, curtindo e compartilhando a foto da tatuiana no Facebook, deve-se acessar o link: https://bit.ly/2R7QsEl ; sendo ainda possível curtir, comentar e compartilhar a foto dela no perfil oficial do concurso no Instagram, pelo endereço eletrônico: https://bit.ly/31VJwQC .

Na terceira etapa, conforme a organização do concurso nacional, as 15 candidatas terão oito dias para cumprir o desafio de “transformar uma mulher através do método ProtagoMiss”.

No dia 10 de outubro, às 19h, os perfis oficiais do concurso postarão as “transformações” e, na sequência, iniciarão a votação da torcida – assim como nas fases anteriores -, encerrando-a no dia 20 de outubro, às 23h59.

Passarão à quarta e última fase do concurso as dez concorrentes mais votadas, sendo oito através do Instagram e duas pelo Facebook.

“Na decisão”, prevista para 24 de outubro, as dez finalistas farão uma prova e serão avaliadas por júri técnico, o qual anunciará a vencedora do Miss Brasil Plus Size 2020. O evento será transmitido pela internet.

Grasiane nasceu em 1986, na cidade de Olindina (BA), e, quando tinha nove meses, a família dela mudou-se para o estado de São Paulo. Até os 16 anos, ela morou em Diadema, na Região Metropolitana, quando então veio para Tatuí.

A miss plus size afirma ter sofrido muito durante a infância com a violência doméstica, presenciando agressões, e com o bullying, devido ao peso dela.

“Demorei muito tempo para me aceitar e me amar como sou. Somente agora, aos 34 anos, aprendi a me amar com todos os meus defeitos”, declara Grasiane.

Ela trabalhou por dez anos na Zanchetta Alimentos, tendo exercido a função de líder de produção. Atualmente, a candidata tatuiana está desempregada, após ter montado o próprio empreendimento e, posteriormente, sido demitida, por conta do novo coronavírus.

“Montei meu próprio negócio, mas, devido à pandemia, tive de fechá-lo. Consegui um emprego em outra empresa, porém, devido à obesidade, acabei demitida, com a alegação de que eu pertenço ao grupo de risco”, revelou.

Após conquistar o título de miss Tatuí plus size, Grasiane afirma ter conseguido parceria com apenas uma loja de roupas plus size do município para participar do concurso estadual, cancelado devido à pandemia.

“Queria ter tido mais apoio, mas não desisti e, graças a Deus, cheguei até aqui. Desejo muito poder quebrar esse preconceito e incentivar outras mulheres da cidade a participarem nos próximos anos. Sou a primeira miss plus size de Tatuí e não quero ser a última”, afirma.

“Agradeço a todos que estão me apoiando e acreditando no meu potencial. Peço às pessoas que ainda não curtiram para que me ajudem e acreditem que é possível a miss Brasil plus size 2020 ser uma mulher humilde, moradora da cidade de Tatuí”, completou Grasiane.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

  1. Obrigada pelo apoio 🙏🙏🙏
    Conto com a ajuda de vocês População de Tatuí e região ❤

Comments are closed.