Tatuí recebe ‘peneira’ de clube que busca jovens talentos ao Flamengo

Trieste realizará avaliação de atletas no Jardim Lírio na próxima semana

1789
Atletas do Bom de Bola participam de nova etapa de avaliação do Magnus Futsal (foto: divulgação)
Publicidade
Da redação

Os jovens tatuianos que almejam se tornar atletas profissionais de futebol têm uma oportunidade na próxima semana. O município receberá, na próxima terça-feira, 18, uma avaliação técnica do Clube de Regatas do Flamengo.

A “peneira” é organizada pelo Trieste, clube de base de Curitiba – que possui parceria com o rubro-negro carioca na captação de jovens talentos -, com apoio do Bom de Bola e da Arjalita (Associação Recreativa Jardim Lírio Tatuí).

O estádio “Toca da Coruja” sediará as peneiras aos meninos e meninas das categorias sub-10 (nascidos em 2010 e 2011), sub-12 (2008 e 2009) e sub-14 (2006 e 2007). O Trieste enviará ao município o observador técnico Nelson Kuroki e o diretor técnico Rafael Silva.

Devido ao início do ano letivo de 2020, as avaliações acontecerão no período da manhã e da tarde. Os jogadores de até dez anos serão observados às 8h30 e às 13h30, os testes da sub-12 ocorrerão às 9h30 e às 14h30 e os atletas da sub-14 serão avaliados às 10h30 e às 15h30.

Não há taxa de inscrição e nem necessidade de matrícula antecipada. O atleta interessado deverá estar na Toca da Coruja cerca de 30 minutos antes da avaliação da qual participará, portando RG, meião, chuteira e caneleira.

Publicidade

Na mesma semana, o Trieste promoverá avaliações em outras cidades da região: na segunda-feira, 17, em Itapetininga; na quarta-feira, 19, em Laranjal Paulista; na quinta-feira, 20, em Porto Feliz; na sexta-feira, 21, em Itu; e no sábado, 22, em Sorocaba.

Os jovens pré-aprovados nas peneiras da região irão a Curitiba para novas avaliações. Esse período na capital paranaense será custeado pelo Trieste. Posteriormente, os atletas selecionados deverão ser encaminhados ao Flamengo.

O fundador e treinador do Bom de Bola, Diego Barros, reforça que o Trieste possui estrutura para captação de jovens talentos. Antes de firmar parceria com o Flamengo em abril de 2018, por muitos anos, o clube cooperava com o Athletico Paranaense.

De acordo com Barros, os clubes profissionais não podem alojar atletas com menos de 14 anos e, por conta disso, promovem parcerias para utilizar essas estruturas na buscar de atletas mais jovens.

“Já enviamos garotos do Bom de Bola para Curitiba, e dois deles foram aprovados. No entanto, os jogadores também eram monitorados pelo Desportivo Brasil, de Porto Feliz, e optaram por permanecer próximos de casa”, revelou o treinador.

Magnus

O Bom de Bola possui atletas da sub-8 participando da avaliação ASF (Associação Sorocaba Futsal)/Magnus 2020. Cinco jogadores tatuianos foram aprovados na primeira fase da seletiva e disputam a segunda etapa da peneira nesta quarta-feira, 12.

A partir das 18h, na Arena Sorocaba, os atletas Filippi Almeida Turri, Henrique Rodrigues Soares, Miguel Augusto Antunes Provazi, Luís Felipe Velasco Leite e Riyan Rodrigues Cabral Antunes representam o município na avaliação.

De acordo com Edmilson Bueno, coordenador das categorias de base do Magnus Futsal, os cinco atletas do Bom de Bola foram aprovados na primeira fase da avaliação para uma nova observação com menos jogadores.

Após esta segunda avaliação, a equipe sorocabana divulgará uma lista definitiva com os atletas selecionados para integrar a categoria sub-8 da ASF/Magnus.

Publicidade