Professor Pimentel

585
Publicidade

 

O Tupã Futebol Clube, o mais querido da alta paulista, em 1965 no gramado do Alonsão, como é carinhosamente chamado o estádio Alonso de Carvalho Braga, disputando na época a segunda divisão de profissionais, notem a presença do grande maestro desta equipe , o meia Pimentel, que havia jogado no São Paulo F.C., na Ferroviária de Araraquara e em clubes do futebol colombiano.

Em pé podemos ver: João Dato, Nestor, Dadico, Ademar, Eliseu, Jaime e o radialista José Marina Rondinelli. Agachados: Pereirinha, Pimentel, Zeola, (ex- SPFC em 1954, Palmeiras, Juventus, Noroeste, Napoli, Independiente da Argentina, futebol colombiano, Prudentina, Guarani, Fluminense), Jair e Valdo.

Após encerrar a carreira, Wilson Pires Pimentel tornou-se professor de educação física, educador e empresário na área da educação na sua querida Tupã.

Histórias e curiosidades do futebol.

Publicidade

NOTA: As fotos são do arquivo pessoal do autor, que data de 50 anos. Ele, como colecionador e historiador do futebol, mantém um acervo não somente de fotos, mas de figurinhas, álbuns, revistas, recortes e dados importantes e registros inéditos e curiosos do futebol, sem nenhuma relação como os sites que proliferam sobre o assunto na rede de computadores da atualidade

 

Publicidade