Presidente planeja expansão da Femague

388
Publicidade
Siltec

 

A nova presidente da Femague (Fundação Educacional “Manoel Guedes”), Rosana Nochele Pontes Pereira, anunciou que planeja, para os próximos quatro anos, um período de expansão das atividades da instituição mantenedora da Escola Técnica “Dr. Gualter Nunes”.

Uma das metas é que a população tenha maior conhecimento do que se passa na instituição e saiba quais são os cursos oferecidos pela entidade. Os planos foram tornados públicos na manhã de quarta-feira, 11.

Na data, a prefeita Maria José Vieira de Camargo deu posse à nova diretoria da fundação. Além de Rosana, foram empossados o diretor financeiro Diógenes Abelardo Rocha, a diretora Roberta Lodi Molonha e o assistente técnico Wladmir Faustino Saporito.

Também tomaram posse os membros do conselho deliberativo: Alexsander Chaves dos Santos, Josemeire Leme Alegre, Juliana Maria Vieira de Camargo Passerani, Maria Madalena de Oliveira Vieira, Mauro Edson Soares de Moraes e Rosan Paes de Camargo Filho.

Publicidade
Siltec

Ainda participam do novo conselho: o diretor da Câmara Municipal, Adilson Fernando dos Santos; o presidente do Conselho Tutelar, Daniel Gomes Belanga, a secretária municipal do Planejamento, Juliana Rosseto Leomil Mantovani; e o secretário municipal do Governo e de Negócios Jurídicos, Renato Pereira de Camargo.

A nova composição da diretoria e do conselho deliberativo darão “novos ares” à Femague, segundo a presidente. Os primeiros trabalhos na fundação serão de levantamento de necessidades e implementação de projetos.

Para Rosana, a instituição é “forte” e reconhecida regionalmente pela excelência no ensino técnico. Ela destacou que, junto à diretora Roberta e ao assistente Saporito, vai “unir conhecimentos em diferentes áreas para o crescimento da instituição”.

Em discurso, a prefeita Maria José declarou que a fundação é “um patrimônio de todos os tatuianos”. Ela lembrou o trabalho do ex-prefeito e ex-deputado Luiz Gonzaga Vieira de Camargo na reforma das salas de aulas e do laboratório da instituição, durante os mandatos dele (2005-2012).

“Na gestão do ex-prefeito Gonzaga, a fundação ganhou unidade de controle de qualidade do ar da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). Os anos se passaram e a responsabilidade da Fundação ‘Manoel Guedes’ com a comunidade é ainda maior”, disse.

A prefeita afirmou ser necessário o controle das finanças da instituição, “sem perder o foco na qualidade de ensino e na inovação”. Maria José elogiou o “espírito público” dos novos diretores e conselheiros da Femague.

Gonzaga, por sua vez, afirmou que, por ser “quase vizinha” da fundação, Rosana é “testemunha ocular de todo o progresso que a escola teve ao longo dos anos”.

O ex-prefeito, suplente e cotado a assumir vaga na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo), relatou a importância da Femague no ensino tatuiano.

O presidente da Câmara, Luís Donizetti Vaz Júnior, destacou o “profissionalismo” e a “dedicação” da equipe de dirigentes da entidade.

Ele afirmou que estes requisitos “são necessários para que a Fundação ‘Manoel Guedes’ possa progredir e melhorar a qualidade dos serviços prestados à população”.

Em discurso, o vice-prefeito Luiz Paulo Ribeiro da Silva abordou o estado das pontes sobre o ribeirão do Manduca. Ele afirmou que o município já iniciou os trabalhos de limpeza da ponte no bairro do Junqueira, caída no dia 5.

Luiz Paulo ressaltou o trabalho feito pela Secretaria Municipal de Obras em relação à proteção de outras pontes, que estão sob monitoramento da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil.

“A Secretaria de Obras está fazendo um esforço tremendo para poder arrumar a casa e fazer a limpeza de modo geral. Tenho certeza de que a mesma dedicação será vista na fundação, com a presidência da Rosana”, declarou.

 

 

Publicidade
Siltec