Prefeitura participa do seminário ‘Manejo Ambiental e Vetores’

371
Evento contou com mais de cem pessoas, entre técnicos municipais de saúde e do meio ambiente (foto: AI Prefeitura)
Publicidade

Pelas Secretarias de Agricultura e Meio Ambiente e de Saúde, a Prefeitura participou, no final de outubro, do 1º Seminário Manejo Ambiental e Vetores de Doenças, promovido pela Coordenadoria de Controle de Doenças e a Superintendência de Controle de Endemias (Sucen), na Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, na capital paulista.

O diretor do Departamento de Meio Ambiente, José Maurício Del Fiol Neto, e o visitador sanitário do Setor de Combate à Dengue, Marcelo Rodrigo de Oliveira, representaram as duas secretarias municipais no evento que contou com mais de cem pessoas, entre técnicos municipais da Saúde e do Meio Ambiente.

O objetivo do encontro foi proporcionar um espaço de discussão da inter-relação do meio ambiente e doenças transmitidas por vetores e a proposição de ações coletivas de vigilância e controle vetoriais.

A promotora de Justiça Alexandra Faciolli Martins, do Grupo de Atuação Especial de Defesa do Meio Ambiente (Gaema), de Piracicaba, palestrou sobre “Meio Ambiente e Saúde: Atuação do Ministério Público”.

Os advogados Sérgio Luiz Damiati, da Secretaria de Educação, e Aline Queiroz, da Secretaria do Meio Ambiente, falaram sobre “Educação Ambiental”; o engenheiro Francisco Luiz Rodrigues, sobre “Política Nacional de Resíduos Sólidos”; o médico veterinário da Sucen, Adriano Pinter, sobre “Vigilância das Áreas de Risco: Corredores de Biodiversidade e Febre Amarela, Atuação da SUCEN e SMA no Controle da Febre Maculosa”; Vera Lucia Fonseca Camargo Neves, da Sucen, sobre “Manejo Ambiental como Estratégia para Minimizar os Vetores de Doenças”; e Eduardo Sterlingo Bergo, de Ribeirão Preto, sobre o “Impacto do Meio Ambiente e Proliferação de Vetores de Doenças”.

Publicidade

Também houve o debate “Meio Ambiente, Saúde e Educação”, com a moderadora Sueli Yasumaro Diaz, diretora técnica de Serviço de Saúde da Sucen (Sorocaba), e outro com o tema “A Interface entre Doenças Transmitidas por Vetores e o Meio Ambiente”, moderado pela diretora técnica da Sucen de Campinas, Renata Caporalle Mayo.

Publicidade