Pianista português apresenta-se em recital este domingo no ‘Villa-Lobos’

Evento com Bernardo Santos contará com masterclass e entrada franca

1622
Pianista Bernardo Santos, que estrá em Tatuí neste final de semana (foto: divulgação)
Publicidade

O Conservatório de Tatuí realiza neste domingo, 26, recital  com o pianista português Bernardo Santos. O solista se apresenta no Salão “Villa-Lobos”, à rua São Bento, 415, centro, às 11h. A coordenação é da professora Cristiane Bloes, com entrada franca. Haverá masterclass de piano com Santos, no mesmo dia do recital.

No repertório, estarão as peças: de F. Schubert, “Sonata nº 13, D. 664”; de E. Granados, “Allegro de Concierto, Op. 46”; de Verdi/Lisz, “Aida Danza Sacra e Duetto Finale, S. 436”; e de Frederico de Freitas, “Tema e Variações”.

Conforme biografia do pianista, Santos iniciou os os estudos musicais aos dez anos na classe da professora Klara Dolynay, em Coimbra, tendo concluído, em 2013, o oitavo grau, com a classificação máxima.

Prosseguiu os estudos na Universidade de Aveiro com o professor Álvaro Teixeira Lopes, tendo sido galardoado com o Prémio Município de Aveiro, atribuído ao melhor aluno do curso de música da instituição a terminar a licenciatura.

Na vertente de música de câmara, estudou com o pianista e compositor António Chagas Rosa. Terminou recentemente a componente de piano relativa ao mestrado, com classificação máxima. Concluiu também estudos de pós-graduação com o pianista Josep Colom, no Conservatori del Liceu, em Barcelona.

Publicidade

Bernardo Santos também tem realizado estudos sobre a obra de Frederico de Freitas, sendo responsável pela edição crítica e publicação do “Tema e Variações”, sobre este compositor.

Desde o início dos estudos, participa regularmente de concursos nacionais e internacionais, destacando-se o Concurso Internacional do Conservatório Russo Alexander Scriabin (Paris), em que recebeu o terceiro prémio, em 2013, na categoria superior, e o prémio Outstanding Soloist do concurso e festival Mastering the Concerto, na Bulgária, em 2017.

Tem participado, também, em masterclasses de pianistas de renome internacional, como Aquilles Delle Vigne, Artur Pizarro, Boris Berman, Carles Lama, Deniz Arman Gelenbe, Dubravka Tomsic, Guigla Katsarava, Jun Kanno, Luiz de Moura Castro, Manuela Gouveia, Mattia Ometto, Nancy Lee Harper, Pamela Mia Paul, Paul Badura-Skoda e Yi Wu.

Santos teve a oportunidade de se apresentar em concerto com a Vidin State Philarmonic Orchestra, Orquestra de Cordas da Universidade de Aveiro, Orquestra Clássica do Centro e Orquestra Filarmonia das Beiras, tendo tocado sob direção dos maestros António Vassalo Lourenço, Artur Pinho Maria, Bruno Martins, Charles Gambetta, David Wyn Lloyd e Kira Omelchenko.

Recentemente, apresentou um recital em direto para a rádio Antena2, no Auditório do Liceu Camões. Foi um dos artistas convidados para o II Festival Internacional de Jovens Pianistas, em Amarante e foi o Artista Residente 2017 da Fundação Dionísio Pinheiro, em Águeda.

Em música de câmara, tem apresentado-se em concerto com vários artistas: André Lacerda, André Piolanti, David Wyn Lloyd, Diego Caetano, Nuno Faria, Svetlana Rudenko e Tiago Melo. Participou também do projeto “Curtas”, do guitarrista e compositor Israel Costa Pereira, culminando na gravação de um CD.

A partir de setembro, Santos frequentará o Trinity Laban Conservatoire of Music and Dance, em Londres, como bolsista, pela Fundação Dionísio Pinheiro e Fundação GDA.

Publicidade