Orquestra e Coro finalizam temporada

242
Publicidade





AI Conservatório / Kazuo Watanabe

Músicos da Orquestra Sinfônica têm concerto agendado para a noite desta quarta-feira,11

A Orquestra Sinfônica e o Coro Sinfônico do Conservatório de Tatuí encerram a temporada de concertos no município na noite desta quarta-feira, 11. A apresentação conjunta será a partir das 19h30, na Paróquia-Santuário Nossa Senhora da Conceição, com entrada franca. A regência é de João Maurício.

Além do concerto final deste ano, o Coro Sinfônico do Conservatório de Tatuí foi destaque no feriado municipal da padroeira da cidade, no domingo, 8. Na ocasião, o grupo regido por Cadmo Fausto fez participação especial na missa em homenagem a Nossa Senhora da Conceição, realizada às 19h.

No concerto de hoje, os grupos pedagógico-artísticos apresentam as “Vésperas Solenes”, de Wolfgang Amadeus Mozart. De acordo com a assessoria de comunicação do Conservatório, elas foram compostas pelo músico austríaco como parte das funções dele na corte arquiepiscopal de Salzburgo.

Publicidade

“As obras trazem uma agitada escrita para cordas e uma rica declamação coral intercalada com passagens em contraponto erudito”, citou o setor de comunicação da escola de música. Segundo a assessoria, a série de vésperas, de 1780, “emprega ampla variedade de recursos estilísticos, desde a escrita fugal a seções na forma de ária e outras em formato antifonal”.

A Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí foi criada em 1985 para dar suporte à performance dos estudantes da área de cordas sinfônicas da instituição. O grupo é formado por professores e alunos bolsistas, dando a estes últimos a oportunidade de oferecer “uma ampla experiência do repertório sinfônico e também uma antevisão de um possível ambiente de trabalho”.

O Coro Sinfônico do Conservatório de Tatuí teve fundação em 1988 e é formado por 30 alunos bolsistas e professores-monitores da instituição. O grupo oferece aos estudantes “uma ampla experiência do ambiente profissional voltado para a atividade coral”. Vem, também, realizando apresentações “importantes de repertório ‘a capela’, de música brasileira, repertório sinfônico e óperas”.


Publicidade