O Valor do Ser Humano!

358
Publicidade





“Aquele que perde a sua honestidade já não tem mais nada a perder”. (John Lyly)

O Valor do Ser Humano!

Cada vez mais é difícil ser honesto. Não devido às “tentações” da vida, que saltam aos olhos e causam ambições a tantas pessoas. Não! Porque caráter ou se tem, ou não se tem.

Quem possui a qualidade da honestidade, não se desvirtua por mixaria, nem por grandes quantias. Aliás, por que a honestidade tem que ser uma “qualidade”? Deveria ser um valor inerente ao ser humano.

Publicidade

Está difícil ser honesto porque a desonestidade está massacrando. Está difícil ser honesto, porque gente assim é enganado o tempo todo! Como é complicado ser incorruptível em nosso país.

É muito complexo agregar valores em nossos jovens e mostrar a eles que devemos ser honrados e não nos deixarmos nos corromper sem parecermos tolos. Infelizmente é assim que se tem passado a imagem daquele que procura fazer tudo corretamente.

É como se andássemos na contramão de uma via e todos começassem a percorrer também no mesmo sentido e quando surgisse alguém caminhando no sentido correto seria mal visto, como se ele estivesse errado.

Não quero ficar fazendo comparações como quem está preso a um ideal e longe de alcançá-lo, cansei disso. Mas enfim, está arraigado em mim esta indignação.

Cada um tem seu jeito de pensar e de agir, aprendi a respeitar as diferenças, com muito custo, pois nós seres humanos, muitas vezes queremos as coisas somente do nosso jeito e basta surgir uma ideia ou algo díspar e não acolhemos muito bem. Só que vamos combinar que desonestidade não dá. Essa eu não engulo.

Essa roubalheira toda que acontece em nosso país e muitos fazendo fortunas com dinheiro público. Criando leis de benefícios próprios, aumentando salários, criando aposentadorias, bonificações e privilégios que só visam o próprio bem estar.

Concursos públicos fraudados para beneficiar parentes. É de uma tristeza profunda esse contexto. Imagine quantas pessoas em seus sonhos honestos estudam dia e noite para ocupar uma vaga de concursado, pagam-se cursos, preparam-se arduamente e depois perdem a vaga para alguém que foi lá e trapaceou com ajuda de alguns que deveríamos confiar.

Temos que começar a pensar em incutir valores em nossos jovens para que possa futuramente haver uma diferença. Sinta como deve ser complicado para um adolescente saber qual caminho adotar se ele presencia no seu dia a dia tantos malandros “por cima da carne seca”, popularmente falando.

Somente conseguirá ter valores corretos aqueles que dentro de seus lares têm pais e familiares que conservam a retidão como princípio, felizmente ainda existem muitos cidadãos de bens e esses valores devem ser praticados no cotidiano e nos pequenos episódios.

Devolver um troco que nos foi dado a mais, ajudar pessoas necessitadas, praticar atos de cidadania, respeitar os animais, respeitar o trânsito e vagas destinadas a idosos e deficientes, etc.

Temos que nos policiar nos pequenos atos, pois desses que se fazem os grandes. Se você não consegue, vendo que alguém deixou cair um dinheiro, se apossar dele, significa que você também não vai se apossar de bens que não lhe pertençam e quando seus filhos perceberem isso sentirão orgulho de terem pais honestos.

Você pode até pensar que não. Mas com certeza em algum momento da vida deles isso fará a diferença. Incutir valores, pensem nisso!


Publicidade