NOTAS POLICIAIS

176
Publicidade





Adolescente de 17 anos e um pintor são detidos por tráfico

O pintor Adriano Augusto Correa, 22, e um adolescente de 17 anos foram detidos por tráfico de entorpecentes no bairro Santa Rita, na tarde de quinta-feira, 27, por volta das 16h40.

De acordo com o boletim de ocorrência (BO), guardas civis municipais patrulhavam próximos à rua Juvenal de Medeiros quando avistaram os dois em um terreno baldio. Ambos foram revistados e, com Correa, teriam sido encontrados R$ 62.

Segundo informações do BO, tanto o pintor quanto o adolescente já possuíam passagem pela polícia, por tráfico de drogas. No terreno baldio, teriam sido encontrados 26 papelotes com substância semelhante a crack.

Publicidade

Os dois teriam negado a propriedade do entorpecente, mas, mesmo assim, foram encaminhados à delegacia. De acordo com o BO, Correa foi preso por tráfico de drogas e o adolescente, liberado por falta de local adequado para ficar apreendido.


Idosa cai no “golpe do bilhete premiado” e perde R$ 2.000

Uma mulher de 60 anos foi vítima do famoso “golpe do bilhete premiado” e perdeu R$ 2.000. O caso ocorreu na manhã de quarta-feira, 26, por volta das 11h, no cruzamento entre as ruas Prudente de Moraes e Santo Antonio.

Segundo declaração da vítima, um idoso e uma mulher loura abordaram-na, dizendo que o homem estava com um bilhete lotérico premiado, no valor superior a R$ 6 milhões.

De acordo com o BO, o idoso estaria vendendo o bilhete por R$ 7.000, pois não tinha como retirar o prêmio. A moça loura teria dito para a vítima que já estava com R$ 5.000 para comprá-lo, mas precisava de mais R$ 2.000 para completar.

A vítima, segundo o boletim de ocorrência, foi ao banco, sacou a quantia e entregou-a para a moça, que teria recebido uma ligação e ido embora, deixando a vítima na Caixa Econômica Federal esperando para pegar o prêmio.


Homem de 40 anos tem casa arrombada no bairro Jd. Saba

Um homem de 40 anos, morador do Jardim Saba, teve a residência invadida e sofreu o furto de um quadro, duas rodas de bicicleta e um instrumento musical de corda.

De acordo com depoimento registrado no boletim de ocorrência, a vítima teria ficado fora de casa por três dias e, quando retornou, encontrou a porta da cozinha arrombada.

Ao chamar a polícia e entrar na casa para ver o que havia acontecido, o homem e os policiais perceberam que havia objetos revirados, alimentos consumidos e paredes rabiscadas.


Duas mulheres são presas em flagrante por furto de comida

A empregada doméstica Marineide Bispo dos Santos, 44, e a dona de casa Jucemara Silva Souza, 19, foram presas em flagrante, suspeitas de furtarem mais de 50 produtos, entre roupas, acessórios e alimentos.

Os dois estabelecimentos comerciais escolhidos pelas suspeitas, de acordo com o boletim de ocorrência, foram um supermercado, localizado na rua Santa Cruz, e uma loja de roupas, na rua Maneco Pereira.

Segundo informações constadas no BO, as duas mulheres confessaram o crime e decidiram devolver as roupas e os alimentos. Policiais militares foram até a casa das duas e pegaram os demais produtos furtados.


Estudante de 18 anos tem a carteira furtada durante festa

Um jovem de 18 anos teve a carteira furtada durante uma festa, em uma chácara localizada na estrada Tatuí-Iperó, na noite de sexta-feira, 21, por volta das 19h.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima sentiu um “empurrão” e percebeu que a carteira havia desaparecido do bolso dele. Nela, estavam documentos pessoais e R$ 60.

Como o local estava cheio de pessoas, a vítima disse à polícia que não foi possível identificar alguma testemunha do ocorrido, ou até mesmo um possível suspeito.


Adolescente é agredido e tem celular roubado no Alvorada

Um adolescente de 17 anos teve o celular roubado enquanto caminhava pela rua Doutor Olavo Ribeiro de Souza, no Residencial Alvorada, domingo, 23, por volta das 23h50.

De acordo com declaração da vítima, registrada no boletim de ocorrência, dois rapazes aproximaram-se e um deles segurou o adolescente pelo pescoço, enquanto o outro permaneceu com a mão embaixo da camisa.

Os dois suspeitos teriam anunciado o assalto, pedindo dinheiro. Quando a vítima informou que não estava com dinheiro, os dois teriam exigido o celular. O adolescente entregou o aparelho e os dois rapazes fugiram.


Publicidade