NOTAS POLICIAIS

276
Publicidade





Acusado de tentar roubar no centro foge de plantão da Polícia Civil

Um estampador de 61 anos conseguiu fugir da Central de Flagrantes da Polícia Civil enquanto guardas civis municipais aguardavam pelo registro de ocorrência. O homem é acusado de tentar roubar uma mulher na rua 15 de Novembro com uso de uma faca. O crime e a escapada ocorreram na madrugada de domingo, 8.

Conforme boletim de ocorrência, Paulo Alberto Domingues da Rocha teria tentado assaltar uma podóloga de 32 anos. A vítima passava perto de um cinema na companhia do marido, um maquinista de 40 anos. A mulher disse que o acusado estava armado com uma faca e tentou levar a bolsa dela.

O marido notando a ação do suspeito correu para socorrer a mulher. A vítima disse que o maquinista chegou a entrar em luta corporal com o acusado. Entretanto, ele desistiu de tentar detê-lo ao perceber que o homem estava armado.

Publicidade

Na sequência, o maquinista acionou a GCM e informou características físicas do suspeito. A vítima disse, ainda, que o homem armado estava no terminal urbano de ônibus da Rodoviária Municipal “Pedro de Campos Camargo”.

A guarnição levou a mulher e o marido até o local e encontrou o suspeito. Rocha estava na companhia de uma companheira, uma desempregada de 36 anos. Ele recebeu voz de prisão em flagrante, sendo levado ao plantão da Polícia Civil.

No local, os guardas precisaram esperar pela elaboração de outro flagrante. A equipe permaneceu do lado de fora. Num determinado momento, o suspeito fugiu, tomando “rumo ignorado”. A corporação relatou que efetuou diligências perto do plantão, mas não conseguiu localizar o suspeito.


Pedreiro bate em cruzamento e recebe autuação por bebida

Na noite de sábado, 7, um pedreiro de 48 anos recebeu autuação por embriaguez ao volante. O motorista envolveu-se em acidente ocorrido no cruzamento entre as ruas Capitão Lisboa e 11 de Agosto. Durante o atendimento, guardas civis municipais notaram que ele apresentava “fala arrastada, hálito etílico, falta de equilíbrio, olhos vermelhos e outros sinais típicos” de embriaguez.

A GCM recebeu chamado de colisão entre um Logus, prata, ano 93, com placas de Juquiá, e um Gol, também prata, ano 2011 e com placas de Tatuí, às 21h16. No local, os guardas encontraram os motoristas dos dois automóveis.

Um engenheiro de 34 anos que dirigia o Gol relatou ter sido atingido pelo veículo do pedreiro quando passava pelo cruzamento entre as ruas. O homem passava pela rua Capitão Lisboa, tendo permanecido por alguns instantes esperando a abertura do sinal.

No momento em que o semáforo abriu, o engenheiro avançou. Enquanto fazia a travessia, ele disse ter sido atingido pelo Logus, dirigido pelo pedreiro. Esse último, alegou que tentou cruzar enquanto o sinal estava amarelo. No entanto, argumentou que não teve tempo suficiente para passar pelo trecho.

Durante a elaboração do registro, os guardas notaram que o homem apresentava sinais de embriaguez. A guarnição relatou, também, que o pedreiro teria admitido ter ingerido quatro latas de cerveja antes de conduzir.

Em seguida, a GCM encaminhou o homem ao pronto-socorro, onde passou por exame clínico para atestar o nível de álcool, e à Central de Flagrantes. Na delegacia, o delegado Hélio Momberg de Camargo fixou fiança no valor de R$ 850.


Forno micro-ondas e garrafas são levados de cantina de L. A.

Na madrugada de sábado, 7, a cantina da Escola Estadual “Lienette Avalone Ribeiro” teve fechadura arrombada e um forno de micro-ondas e três engradados com garrafas de refrigerante furtados. A responsável pelo local, uma funcionária pública estadual de 45 anos de idade, registrou o caso na tarde do mesmo dia.

Conforme a mulher, os bandidos também levaram “todos os chocolates, doces, sucos e guloseimas” que estavam à venda. Para levar os produtos, a vítima acredita que eles tenham pulado um dos muros do estabelecimento de ensino.

A vítima relatou, ainda, que esta é a terceira vez que o local sofre furto. Por fim, ela disse que o local não dispõe de sistema de monitoramento por câmeras ou alarmes.


Ciclista é atropelado ao andar na r. Prudente e suspeito foge

Um ciclista de 55 anos foi atropelado por um motorista não identificado quando passava pela rua Prudente de Moraes, no centro. O acidente ocorreu no período da manhã de sábado, 7, tendo sido registrado por policiais militares.

A vítima precisou ser socorrida pela unidade de resgate do Corpo de Bombeiros e levada ao Pronto-Socorro Municipal “Erasmo Peixoto”. No ambulatório, recebeu os primeiros atendimentos e permaneceu em “estado de observação”.

Durante a elaboração da ocorrência, os militares ouviram testemunhas. Eles receberam a informação de que o motorista que atropelou o ciclista fugiu sem prestar socorro. O homem dirigia um veículo de características e placas não descritas.


Publicidade